terça-feira, janeiro 3

ÓI NÓIS AQUI TRAVEIS...

"Voceis pensam que nóis fumos embora
Nóis enganemos voceis
Fingimos que fumos e vortemos
Ói nóis aqui traveis" -Adoniran Barbosa

Pessoal

Gostaria de deixar registrado aqui a minha preocupação...

Ontem eu estava com um grupo de amigos e parentes próximo ao KM 4 na cidade de Antonina - Paraná - Brasil... mais ou menos por volta das 22:00hs, em uma confraternização...
...quando passou em frente da localidade onde eu estava... várias carretas em alta velocidade e esse fato me chamou muita atenção e me deixou muito preocupado.

Será que se por uma fatalidade, uma criança, ou qualquer cidadão atravessar a
Av. Thiago Peixoto, porque, acredito eu... que, até aquela intermediação seja próxima à avenida propriamente dita..., 

...então, concluindo... será que, se alguém atravessar e no momento estiver passando uma carreta nessa velocidade o motorista irá conseguir parar?

Com certeza não. 

Eu estou realmente muito preocupado com alguns caminhoneiros, que estão dirigindo em perímetro urbano em alta velocidade, e que não têm um pingo de responsabilidade e respeito com nossa cidade e com os seus pedestres.

Não tem nenhuma lógica uma carreta que carrega mais de 20 toneladas, fora o seu peso, andar a mais de 50 km por hora dentro da cidade, e com certeza as carretas que passaram por mim ontem estava a mais de 70 km por hora. Não foi uma só, foram várias carretas em alta velocidade.

Será que as autoridades estão esperando acontecer um grave acidente para tomar alguma atitude?


Então..., gostaria de chamar a atenção das autoridades para este fato, pois existem vários moradores naquela localidade que atravessam  a todo instante  aquela rodovia, e antes de qualquer coisa, que providências sejam tomadas urgentes.

Está registrado aqui a minha preocupação.

Neuton Pires

9 comentários:

  1. É carreta, é mato alto, e esgoto em céu aberto em pleno centro da cidade(na Comendador Araújo em frente da Igreja Batista)...agora em entendi como funciona os políticos de Antonina. São políticos de "CARREIRA": QUANDO O MUNICÍPE TEM A SOLUÇÃO ELES SEMPRE TEM O PROBLEMA. Político de carreira é o sujeito que não tem iniciativa, não tem liderança, não tem autoridade...falta coragem. È uma tremendo vigarista - é cara de promete uma entrega e nada entrega - de urna. E em Antonina só tem esse tipo de político, e esta chegando mais para as p´roximas eleições.

    ResponderExcluir
  2. aproveitando a deixa do meu caro colega,a respeito da velocidade das carretas,quero dizer que não é só no km 4,que elas passam em alta velocidade,e acrescentando que não são só as carretas,são também motos e carro pequenos, eu falo porque trabalho bem em frente a Av. Thiago peixoto na reta do hospital,nesta reta não se respeita nada,eles agem como se estivesse em uma pista de corrida.É to achando que Antonina é a cidade que tudo pode e nada acontece

    ResponderExcluir
  3. Parece que político em Antonina é aquele sujeito que pede teu relógio emprestado para te dizer a hora e, depois vai embora com êle.

    ResponderExcluir
  4. Batel pede socorro com a velicidade.4 de janeiro de 2012 11:46

    Neutinho bem lembrado alguém teria que denunciar este abuso. É pordemais mesmo as carretas passam rasgando pelo batel passou a ultima lombada eles aceleram mesmo sem pensar na consequencia na frente. Acredito que ninguem aqui em antonina vai tomar providencia como fazer para se precaver de um acidente. Estamos desamparados.

    ResponderExcluir
  5. Veja bem... nesta hora, se não houver uma resposta imediata por parte das autoridades antoninense, antes que aconteça o pior... devemos nos unir e fazer valer a nossa força.

    Primeiro, existe uma empresa prestadora de serviço que está tercerizando estes, digamos, maus motoristas... creio que deva ter um representante do bairro aí no Batel, vereador, presidente de associação, seja lá o que for...

    ...este, terá que ir até a empresa e denuciar, fazer um relato e protocolar junto ao gerente operacional ou de trafego da tal empresa o que está acontecendo...

    ... de que maneira?

    Solicitando aos devidos gerentes a cópia do disco de tacógrafo dos veículos que prestam serviço no Porto de Antonina... que seja verificada a velocidade destes... se é compatível com o perímetro urbano, e que providências sejam tomadas...

    `(...O tacógrafo é um aparelho que registra através de um mecanismo preciso de três ou quatro agulhas com ponta de safira, a distância percorrida, vibração e principalmente a velocidade do veículo em um gráfico em forma de disco. Na legislação brasileira o tacógrafo é denominado “ registrador instantâneo e inalterável de velocidade e tempo”...)

    ...antes de mais nada, o tacógrafo é equipamento obrigatório para alguns veículos, conforme prevê o Art. 105, inciso II, do Código de Trânsito Brasileiro e a Resolução do CONTRAN Nº 14/98 e 87/99.

    Caso não obtenha êxito, partiremos para a segunda opção..., faremos um abaixo assinado e protocolaremos em vários órgãos responsáveis pelo Departamento de Estrada e Rodagem ou se for o caso, na Regional do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes... até o inferno nós vamos se for possível... o que não pode é ficar como está...

    ...agora, o senhor prefeito podería esquecer um pouquinho das festas que passaram e das que virão... e solicitar ao superintendente destes órgãos uma melhor sinalização, várias placas informativas de velocidades e até redotures de velocidades se possível for... porém, não é colocar o redutor e passar algum tempo e retirar...

    É melhor prevenir do que remediar: princípios básicos para entender e gerir o risco...

    Um abraço.

    Neuton Pires

    ResponderExcluir
  6. Valeu Janeci por relatar mais um fato...

    ...precisamos levantar a voz sim.

    Sem medo...

    Um abraço.

    Neuton Pires

    ResponderExcluir
  7. Abreu disse: lei seca neles ,motoristas profissionais não podem cometer esses tipos de abusos absurdos,com certeza estavam mamados de caçacha...

    ResponderExcluir
  8. Marianee Albuquerque7 de janeiro de 2012 19:58

    Olá Neuton,
    Quero deixar registrado que não estamos com problemas somente na Avenida Thiago Peixoto, a Avenida Conde Matarazzo onde moro também é palco de velocidade e ultrapassagens perigosas, mesmo com buracos enormes na frente da minha casa eles passam sem reduzir a velocidade e ainda fazem ultrapassagens.
    Agora nossas escolas estão de férias, mas quando estamos em aula os alunos correm grande perigo, como disse Janeci, não é somente com os caminhões, mas carros pequenos e motos também abusam bastante...
    Mas, precisamos que os caminhoneiros tenham um pouco de respeito e cuidado.
    Abraço

    ResponderExcluir
  9. Newton,
    aqui na minha avenida, os caminhões fazem "racha", imagine no Batel que é avenida maior. Quando tem navio no Porto, passa de 10 caminhões sem dar espaço. Enquanto não acontecer o pior, vamos levando.

    Salve o Povo!!!

    ResponderExcluir

COMENTÁRIOS SOMENTE COM CONTAS NO GOOGLE