sábado, abril 30

sei não, vai dormir no sofá... se descobrirem quem enviou a piada...

A mulher estava do outro lado da rua, fofocando com uma vizinha e o marido em casa, conferindo a mega sena.

Quando viu que tinha acertado as seis dezenas, do concurso acumulado em 50 milhões, enlouqueceu e começou a gritar:

- Simbliscone, Simbliscone!!!

Ganhei, ganhei a mega-sena!!!

A mulher atravessa a rua como louca, vem um ônibus atropela e mata a coitada.

O marido fala:

- Puta que pariu, quando o cara tá com sorte, tá com sorte!!!

Sonhar não custa nada...

Karaoke pra surdo-mudo! Com som!‏

PRESTE ATENÇÃO!!!

*** EPIFANIA, NUM DOMINGO DE PÁSCOA.

Fortunato Machado Filho

“ATÉ A CRIANÇA SE DARÁ A CONHECER PELAS SUAS AÇÕES, SE A SUA OBRA FOR PURA E RETA” Provérbios 20:11

(24.04.11) Lembrei-me que em julho de 2009, em Antonina, por ocasião da realização do Festival de Inverno, participei de uma conversa com pessoas oriundas de outras regiões do País e que se estabeleceram em Antonina com negócios e, posteriormente trouxeram familiares ou mesmo constituíram família aqui.

O que chamou a atenção foi a concepção que alguns expuseram na conversa, de que a principal culpa do sub-desenvolvimento de Antonina se deve à falta de compromisso de grande parte da população para com a melhoria e o consequente desenvolvimento cultural, empresarial e político.

As bases culturais por aqui foram fincadas sob a cultura garimpeira, ou seja, a de encher as ‘burras’ e ir embora. Assim não havia compromisso com ninguém e nem com o lugar. Mas, toda regra tem exceção, por isso vemos muitas famílias que residem por aqui e que tem raízes no tempo do garimpo e que deram e dão a sua contribuição positiva às comunidades nas quais estão integradas.

Porém, a maioria se comporta como os velhos e maus garimpeiros, sem o compromisso com o lugar onde tira o sustento. Com suas visões imediatistas, apenas exploram sem se importarem com a sustentabilidade, o meio ambiente que são parte. Nota-se a ausência da chamada educação de berço, por isso se liga esgotos na rede de águas pluviais, joga-se lixo nas ruas. Não se importa com os lotes vagos e cheios de mato, servindo para depósito de entulhos, quando poderia se construir muros, já que esses imóveis, em maior número, servem à especulação imobiliária.

O pagamento dos impostos à municipalidade parece ser um favor quando se deve ter a consciência de que é uma obrigação. A pouca importância, até mesmo o desprezo pelo patrimônio público é notório quando se vê a depredação de objetos e locais públicos como se não tivesse dono. Há uma tendência de se achar que a ‘porta da rua’ é de ninguém, por isso, jogar entulho ou lixo parece ser normal. Quando ao contrário, deve se entender que a cidade pertence aos seus habitantes. Daí a necessidade de se vivenciar a cidadania que é você tomar posse dos seus direitos e deveres.

Alguém lembrou em meio a conversa que o problema deva estar porque hoje se fala e ensina mais sobre diretos do que deveres - alguém sabe quais são os deveres do consumidor?

Tomemos por base que a vida e a saúde são também direitos primordiais ao ser humano, mas se verifica um relaxo quanto aos cuidados com a saúde pública que ao contrário do que muitos pensam, ela não está nos hospitais ou ambulatórios, mas na prevenção que envolve a todos; poder público e população. Nesta época do ano, quando aumenta a incidência de casos de dengue, são poucas as pessoas que levam a sério o problema, quando todos deveriam cuidar de cada palmo de seus quintais, não permitindo focos do mosquito.

Lamentável encontrar nos hospitais pessoas internadas com dengue, o que só se pode atribuir ao desamor por si e pelo próximo, porque acha que a enfermidade não o atingirá, bem como aos da sua família.

Com raríssimas exceções, o ‘garimpismo’ também predomina entre políticos e eleitores. Entre lideranças políticas locais e agentes políticos estaduais e federais, pelo aliciamento de votos, bem como pelo tráfico de influência, desde que se tenha alguma vantagem individual em detrimento às necessidades coletivas. Estas reflexões são necessárias ainda neste início de ano, até porque caminha-se para as eleições municipais de 2012, onde muitos querem ser eleitos e outros reeleitos.

Garimpar é extrair riquezas, mas é preciso que se extraiam riquezas sem dilapidar patrimônios, especialmente o público. Garimpar é separar valores, porém sem desagregar os princípios harmoniosos do ambiente em que se vive, no entanto, valorizar e se compromissar em manter uma sociedade na qual a justiça continue de olhos vendados e seja aplicada para manter o equilíbrio no desenvolvimento dos nossos municípios, compartilhando riquezas espirituais, culturais, patrimoniais e respeito; sem exceção...

‘Garimpemos’ com sustentabilidade e responsabilidade social! Outros, depois de nós, aqui pisarão, falarão e escreverão uma história diferente.

Provérbio revisto
Newton de Lucca

A voz do povo
é a voz de Deus...
Que povo?
Que Deus?
O que beijou Stálin?
O que delirou com Hitler?
Ou o que soltou Barrabás?
(Será que Deus já não teria se
enforcado em suas próprias cordas vocais?)


A voz do povo é a voz de Deus...?
Realmente esse provérbio, me faz refletir. Todos os dias nós vemos a multidão ensandecida com a possibilidade de pôr na forca algum desses criminosos que têm a infelicidade de receber a atenção de algum pseudo-jornal atrás de audiência.

O exemplo de Barrabás é perfeito para ilustrar que a "multidão é burra". As pessoas sozinhas pensam melhor. Tanto homens quanto mulheres se sentem mais confortaveis para fazer besteiras se estão em grupo, já notou?

E também devemos perceber que a maioria sempre toma decisões questionáveis

Lendo um texto do escritor baiano João Ubaldo Ribeiro "Precisa-se de Matéria Prima para construir um País", não tive como não concordar com a sua dissertação sobre a opinião de que os ex-presidentes Collor, Itamar, FHC e Lula não serviam, e que agora é a Dilma que não serve, bem como o que vier depois dele “também não servirá para nada...”. Lembro que o referido texto recebi como e-mail repassado, mas vi que vale a pena comentá-lo com você leitor.

Diante dessa idéia alimentada por muitos, o escritor diz suspeitar que o problema não está no ladrão corrupto de outrora, ou no farsante do agora. “O problema está em nós. Nós como POVO. Nós como matéria prima de um país de uma cidade. Porque pertenço a um país ou a uma cidade, onde a "ESPERTEZA” é a moeda que sempre é valorizada, tanto ou mais do que o dólar”.

Ribeiro lamenta-se por pertencer a um país ou uma cidade onde ficar rico da noite para o dia é uma virtude mais apreciada do que formar uma família, baseada em valores e respeito aos demais. A desonestidade é outro fator que impregna essa matéria prima que somos nós, segundo o pensamento do escritor.

Claro que se refletirmos profundamente sobre o quesito desonestidade, debruçaremos sobre as palavras de Jesus Cristo que disse, “atire a primeira pedra aquele não tem pecado”. Mas ao imaginar um lugar onde as pessoas compram e deixam o dinheiro no lugar da mercadoria, sem precisar da presença do dono, é quase utopia, mas existe. Funcionários que levam pra casa o que pode da empresa em que trabalham, chega ser uma praxe em nosso povo.

A Lei de Gerson, aquela do tirar vantagem em tudo pode ser considerada a raiz do problema da matéria prima que forma os nossos municípios, ou seja, nós, o povo; que doar-se pelo bem comum é quase um crime contra si, esquece-se do ensino de Francisco de Assis que disse “é dando, que se recebe”, embora esse termo ficou conhecido pela sua aplicação pela maioria dos políticos em Brasília, em tempo não muito longínquo. João Ubaldo Ribeiro fala da fraude na “declaração de imposto de renda para não pagar ou pagar menos impostos”.

Trazendo essa análise para os municípios, quantos ainda não pagaram os impostos de 2010 à receita municipal? Quantos atiram lixo pelas ruas e depois cobram dos prefeitos uma melhor limpeza pública? Somos a matéria prima defeituosa, bem diz o escritor. Mas, tudo tem conserto. Basta mudar de atitude, gerir bem a nossa casa, cuidar de sua frente, entender que a rua tem dono, ela não é de “ninguém”, que você se identifica com ela. Devo refletir, seu estado de higiene denuncia o que em realidade eu sou, cidadão compromissado ou não.

Ainda segundo Ubaldo Ribeiro, é preocupante se viver em um país “onde uma pessoa de idade avançada, ou uma mulher com uma criança nos braços, ou um inválido, fica em pé no ônibus, enquanto a pessoa que está sentada finge que dorme para não dar o lugar, onde a prioridade de passagem é para o carro e não para o pedestre; onde fazemos um monte de coisa errada, mas nos esbaldamos em criticar nossos governantes”.

Parodiando o escritor, como "matéria prima" de um município, temos muitas coisas boas, mas nos falta muito para sermos os homens e mulheres de que nosso município precisa. As nossas deficiências, "ESPERTEZA BRASILEIRA" cultural e a “desonestidade em pequena escala, que depois cresce e evolui até converter-se em casos de escândalo, essa falta de qualidade humana, mais do que governantes do passado, e do presente, é que é real e honestamente ruim, porque todos eles são brasileiros como nós, ELEITOS POR NÓS”.

Ubaldo Ribeiro frisa que somos todos nascidos aqui, “não em outra parte... Entristeço-me. Porque, ainda que Dilma ou Canduca renunciassem hoje mesmo, o próximo presidente ou prefeito que os sucederem terão que continuar trabalhando com a mesma matéria prima defeituosa que, como povo, somos nós mesmos”. Ele lembra que é necessário se erradicar primeiro os vícios que temos como povo, do contrário ninguém servirá para governar nossos municípios, estado e país.

E ele pergunta, “qual é a alternativa? Precisamos de mais um ditador, para que nos faça cumprir a lei com a força e por meio do terror? Aqui faz falta outra coisa. E enquanto essa "outra coisa" não comece a surgir de baixo para cima, ou de cima para baixo, ou do centro para os lados, ou como queiram, seguiremos igualmente condenados, igualmente estancados..."

Finalizando seu raciocínio, João Ubaldo Ribeiro exclama, “nós temos que mudar! Um novo governante com os mesmos brasileiros não poderá fazer nada... Está muito claro... Somos nós os que temos que mudar. Agora, depois desta mensagem, francamente decidi procurar o responsável, não para castigá-lo, senão para exigir-lhe (sim, exigir-lhe) que melhore seu comportamento e que não se faça de surdo, de desentendido. Sim, decidi procurar o responsável e ESTOU SEGURO QUE O ENCONTRAREI QUANDO ME OLHAR NO ESPELHO. É O QUE EU SEMPRE DIGO. “O GOVERNO SOMOS NÓS, OS POLÍTICOS, NEM TANTO ASSIM.” "MEDITE !!!" E eu acrescento: o que nos falta é EDUCAÇÃO!”.

***Não confundir com Epifania do Senhor.

E POR FALAR EM BOLSA FAMÍLIA...

... Enquanto isso os nossos super-heróis se reunem na sala de justiça do Reino, para discutir sobre em que Bolsa o príncipe (Onde Está Wally) faz parte...

O pessoal da turma do gargarejo (ex-turma do litro), já deram o seu palpite:

- O Príncipe Consorte (bota sorte nisso) Onde Está Wally, amigo do Rei e da Rainha Ellix Andrex III, faz parte do Bolsa Família Real.

TAÍ, UMA DAS POUCAS MATÉRIAS NÃO TENDENCIOSAS DA FOLHA...



Dilma diz que ensino técnico será porta de saída do Bolsa Família


Publicidade
MÁRCIO FALCÃO
BRENO COSTA
ANGELA PINHO
DE BRASÍLIA

A presidente Dilma Rousseff disse nesta quinta-feira que o Pronatec (Programa Nacional de Acesso à Escola Técnica) será uma porta de saída para os beneficiários do Bolsa Família.

Ao lançar o programa que prevê 8 milhões de oportunidades --entre vagas em cursos e bolsas de estudo-- para estudantes do ensino médio e jovens trabalhadores até 2014, Dilma afirmou que o Brasil precisará de mão de obra qualificada para enfrentar o novo ciclo de desenvolvimento.

Dilma Rousseff durante cerimônia de lançamento do Pronatec (Programa Nacional de Acesso à Escola Técnica)

"Também haverá a unificação do Bolsa Família e o Pronatec, assegurando a quem recebe o Bolsa Família a oportunidade de uma formação e capacitação profissional. O Pronatec vai ser fator de organização da oferta de capacitação profissional. [...] Esse programa vai muito além do ensino médio", disse.

A ideia do governo é que parte dos mais de 11 milhões de beneficiários do Bolsa Família faça cursos de capacitação.

Ao lado do ministro Fernando Haddad (Educação), Dilma anunciou que até 2014 serão construídas mais 200 escolas técnicas, sendo que 80 serão entregues no início do ano que vem.

Dilma lembrou que o país conquistou o posto de 7ª economia mundial e que está perto do pleno emprego. Afirmou também que é preciso dar um salto de qualidade no potencial humano brasileiro.

A presidente, no entanto, reconheceu que o país enfrenta problemas com a qualificação da mão de obra e disse que esse será um de seus principais desafios a serem enfrentados.

"Em alguns casos faltam mão de obra qualificada e em outros sobram mão de obra sem qualificação necessária para a indústria, para o comércio".

Entre as ações do Pronatec está a expansão do Fies (programa de financiamento estudantil) da graduação para cursos técnicos. Esse mecanismo permite que o aluno estude em instituições privadas e só pague as mensalidades depois de se formar.

Outra frente é a expansão das escolas do Sistema S, que reúne entidades como Sesc, Sesi e Senai, por meio de uma linha de financiamento do governo.

Além de alunos do ensino médio, trabalhadores da ativa e beneficiários do seguro-desemprego também estão entre o público-alvo do projeto.


(Fonte: Folha de São Paulo)

sexta-feira, abril 29

O QUE OS SÚDITOS QUEREM OUVIR???

A rainha Ellix Andrex III solicita aos súditos que não falem mal do Rei...

Porém, os súditos não querem atender a nenhum pedido da realeza, e continuam me enviando e.mail para que eu fale deste Reino Não Tão Distante.

O que estes carnívoros súditos querem que eu fale?

Que o Rei em seu mandato real... até o momento não fez nada.

Que faltam alguns meses apenas para o término do seu mandato como Rei de po%$#@r%$@r&%$#@a nenhuma... Querem que eu fale que os nossos representantes políticos não tiveram competência nesse período para fazer do Reino crescer e se desenvolver em todos os aspectos.

Vocês súditos do ca%¨$#ce$#@%!te querem que eu fale do fraco nível dos nossos representantes imperial lá do palácio... lá... lá, que vocês sabem muito bem onde fica, que, nesses últimos oito, dez, quinze anos, não fizeram, ou melhor, fizeram... fizeram com que o Reino parasse no tempo. Enquanto os "políticos" deste Reino Não Tão Distante só pensaram neles mesmos... a plebe continuará se ralando (tudo parado)...

... E o que tudo indica, o Reino ficará parado no tempo por um longo e tenebroso inverno!!!

Nós estamos realmente no Reino do “faz de conta”.

Faz de conta que temos indústrias, faz de conta que temos emprego, faz de conta que os nossos representantes políticos são fortes e exemplo de seriedade para o estado, faz de conta que tudo no Reino está maravilhoso! É isso que os nossos representantes querem que a gente pense.

Então tá... faz de conta que eles são sérios e trabalhadores...

É isso que vocês súditos querem que eu fale... é? Estão enganados, eu não vou falar mer%$#@d&*%$a nenhuma.

Enquanto isso:

Uma marchinha para o próximo Rei...

Taí, eu fiz tudo pra você votar em mim...
Ó meus súditos não faz assim comigo não, todos têm, todos têm que me eleger nessa eleição.
Essa história de só votar em quem $$tem$$, já é mania que a pobreza tem, se me ajudares nesta eleição, eu não ficaria mais pobre não!

Prometo.

Tai...

Fuiiiiiii

... E POR FALAR EM CASAMENTO REAL

Temos aqui no Reino Não Tão Distante, o menor conto de fada do mundo...

Era uma vez um caiçarinha guarapirocabano que pediu a uma linda donzela (metida em todos os sentidos) do Reino:

- Você quer se casar comigo?

Ela respondeu:

- NÃÃÃOOOOOOOO!

E o rapaz viveu feliz para sempre, foi pescar no quatinga, jogou futebol no 29 de maio, no vasquinho, no plínio, no guapê... conheceu muitas outras garotas, visitou muitos lugares (ponta da pita, feira-mar, morro da pedra, antes do desmoronamento é lógico, trapiche), sempre estava sorrindo e de bom humor, nunca lhe faltava grana, bebia cerveja com os amigos no bar do lontra... sempre que estava com vontade e ninguém mandava nele.

Já a moça...


A moça teve celulite, varizes , os peitos caíram e ficou sozinha. Si fu#@#@%$#@!d$%#e¨*&%$u

FIM.

O SIGNIFICADO " DO QUINTO DOS INFERNOS "

O "QUINTO DOS INFERNOS":

Durante o século 18, o Brasil Colônia pagava um alto tributo para seu colonizador, Portugal.
Esse tributo incidia sobre tudo o que fosse produzido em nosso país e correspondia a 20% (ou seja, 1/5) da produção. Essa taxação altíssima e absurda era chamada de "O Quinto".


Esse imposto recaía principalmente sobre a nossa produção de ouro.

O "Quinto" era tão odiado pelos brasileiros, que, quando se referiam a ele, diziam ...
"O Quinto dos Infernos".
E isso virou sinônimo de tudo que é ruim.

A Coroa Portuguesa quis, em determinado momento, cobrar os "quintos atrasados" de uma única vez, no episódio conhecido como "Derrama".
Isso revoltou a população, gerando o incidente chamado de "Inconfidência Mineira", que teve seu ponto culminante na prisão e julgamento de Joaquim José da Silva Xavier, o Tiradentes.

De acordo com o Instituto Brasileiro de Planejamento Tributário IBPT, a carga tributária brasileira deverá chegar ao final deste ano de 2010 a 38% ou praticamente 2/5 (dois quintos) de nossa produção.

Ou seja, a carga tributária que nos aflige é praticamente o dobro daquela exigida por Portugal à época da Inconfidência Mineira, o que significa que pagamos hoje literalmente "dois quintos dos infernos" de impostos...

Para que?


Para sustentar a corrupção?? os mensaleiros?? o Senado com sua legião de "diretores", a festa das passagens, o bacanal (literalmente) com o dinheiro público, as comissões e jetons, a farra familiar nos 3 poderes (executivo/legislativo e judiciário).

Nosso dinheiro é confiscado no dobro do valor do "quinto dos infernos" para sustentar essa corja, que nos custa (já feitas as atualizações) o dobro do que custava toda a Corte Portuguesa.

E pensar que Tiradentes foi enforcado porque se insurgiu contra a metade dos impostos que pagamos atualmente!

ASSOCIAÇÃO ATLÉTICA 29 DE MAIO - INFORMA

Caro Amigo Antoninense, de nascimento ou adoção, convidamos para ser o nosso mais novo associado, aderindo a Campanha SÓCIO É 10!

Diante de nossa urgente necessidade de recursos para manutenção de nossa praça de esportes, em virtude das trágicas chuvas que se abateram em nossa cidade no mês de março, convidamos toda a comunidade antoninense, desportistas, simpatizantes, colaboradores, moradores ou não de nossa cidade, a aderir à campanha Sócio é 10! e destacamos acima de tudo, que todas as melhorias a serem realizadas não se reverterão apenas aos sócios, mas especialmente à comunidade antoninense.

CLIQUE NA IMAGEM






quinta-feira, abril 28

NOTÍCIA QUE VAI MUDAR O RUMO DAS COISAS...

... Amanhã desde ás 05:00 hs, teremos o casamento do prícipe William com a plebéia Kate, assim como sua sogra (Lady Day)... poderá ser chamada de Lady-Kate... Aí vai virar uma zorra total.

... lá No Reino Tão Distante, um porta-voz da Clarence House confirmou que haverá várias restrições sobre o casamento real. As restrições valem para o mundo inteiro... para que o casamento não vire piada...

... A vida da família real em si já é uma piada. A própria existência dela é uma ironia num mundo capitalista. Ainda mais num país onde a rainha reina, mas não governa... que o diga Margareth Tatcher, a verdadeira governante do país por tantos anos.

________
Bem, enquanto isso vamos ficando por aqui, Em Um Reino Não Tão Distante... com a história do nosso Príncipe Encantado, o sonho de todas as donzelas do reino.

O nosso príncipe tupiniquim está procurando uma donzela para casar-se.

Ele encontra Branca de Neve e pergunta:

- Gostaria de se casar comigo?

- Certamente, majestade.

Então, o Príncipe Encantado mostra o bilau a ela e pergunta:

- Você sabe me dizer o que é isto?

- Seu belo pinto, de Vossa Majestade.

- Não quero você. Vou procurar uma mulher inocente.

Chega a vez do encontro do Príncipe com a Gata Borralheira e ele pergunta:

- Gostaria de se casar comigo?

- Eu adoraria, Príncipe.

A cena se repete, o Príncipe Encantado tira novamente o bilau para fora e pergunta:

- Você sabe me dizer o que é isto?

- Majestade... isso é o seu pinto.

-Vou-me embora. Exijo uma mulher que seja pura.

Andando pela floresta, o Príncipe encontra Chapeuzinho Vermelho e pergunta novamente:

-Gostaria de se casar comigo?

-Siiimmm! Meu Príncipe Encantado!

Então... lá vai o Príncipe, bota a mixaria pra fora e pergunta:

-Me diga o que é isto?

-Isso aí é uma minhoquinha, Alteza.

Encantado com a grande inocência de Chapeuzinho Vermelho, o Príncipe casa com ela.

Cheio de boa educação, na noite de núpcias o Príncipe vai explicar para Chapeuzinho:

- Querida, isto aqui é um pinto, não é uma minhoquinha.

E ela responde:

- Não, não, meu Príncipe. Isso é uma minhoquinha, mesmo! Pinto de verdade é o do Lobo Mau!

______
NOTA.:

Se a história do príncipe William tiver o mesmo final que a história do pai... aí sim, ele vai ver o que é levar um par de enfeites na cabeça... e cair na REAL em virar piada.

Então pessoal, não percam o casamento do ano, ás 05:00 da matina, acorda a COROA ao lado e olho na TV...

É pra acabar isso mesmo.

ADEUS SOCIAL-DEMOCRACIA TUCANA...

OS DISCURSOS DOS OUTRORA DONOS DO PODER

por Lucas Vaz Costa, em seu blog

Havia se tornado rotina assistir aos belos pronunciamentos dos próceres do PSDB. São muito bem elaborados, em geral. Isso porque, quase sempre, tem em comum, entre si, o fato de desdizerem completamente aquilo que foi a prática horrorosa deste partido ao longo dos oito anos de triste memória em que Fernando Henrique Cardoso foi presidente do Brasil.

Houve várias ocasiões em que Lula foi posto diante do que seriam contradições entre as ações de seu governo e os discursos radicais outrora proferidos pelo Partido dos Trabalhadores. Isso foi repetido de forma tão exaustiva que virou consenso entre a mídia prevalente que o governo Lula nada mais seria do que a continuação da era FHC. A diferença seria tão somente a sorte do petista, que teria governado em um contexto internacional de uma economia mais favorável. Como se de fato a crise econômica mundial fosse uma “marolinha” – vejam que assim sendo, eles aceitaram a tese de Lula!

O que víamos até agora era a contradição entre o discurso atual do PSDB e seu passado enquanto governo. No governo foram horríveis, mas no discurso eles são bons. No papel, afinal de contas, este partido é social-democrata. Logo é programaticamente preocupado com a questão social. Um surto de humanismo tomou conta do PSDB quando de sua saída do governo, em descompasso com sua Realpolitik de submissão incondicional ao que seria o Renascimento de fins do séc. XX, a Globalização Neoliberal, sustentada por uma poderosíssima campanha publicitária internacional. Eles esqueceram – ou quiseram nos fazer esquecer – da submissão de seu governo ao FMI. Quem governava o Brasil eram as metas impostas para que pudéssemos pagar o que devíamos. Traduzindo para o nosso dia-a-dia, adeus política social na Era FHC. Bem-estar social foi um luxo suprimido até mesmo da classe-média.

Essa contradição entre prática e discurso era o que podíamos assistir até agora. Mas há uma tênue névoa de mudança no ar. Aparentemente, estamos diante de uma nova fase discursiva do PSDB, diante do momento em que eles parecem sair do casulo e assumir aquilo que eles verdadeiramente sempre foram.

Recentemente, FHC se manifestou no sentido de que o PSDB deve esquecer os pobres, viciados nas políticas sociais do PT, e partir para a conquista eleitoral da classe-média. Classe-média que ele, aliás, tanto espezinhou quando de sua estadia no Palácio da Alvorada. Quem não lembra do arrocho salarial, da desvalorização do funcionalismo público, das privatizações selvagens? Só o PSDB não lembra e insiste em querer fazer o Brasil esquecer.

O aumento da classe-média é uma realidade proporcionada pelas políticas do governo Lula. Como disse FHC em uma entrevista ano passado, o país sempre se preocupou muito em produzir riqueza, mas sempre produziu pouco bem-estar. Finalmente tivemos um governo que se preocupou em produzir algum bem-estar: estão aí os números demonstrando o crescimento da classe-média. Com Fernando Henrique, nem riqueza nem bem-estar.

É irônico que FHC entenda que deve buscar votos nas fileiras beneficiadas pelas políticas do Partido dos Trabalhadores. Aparentemente não tem sentido. Mas vejamos.

Ele demonstra pouco apreço pela capacidade reflexiva do pobre, incapaz, segundo ele, de ver além da própria barriga. Ao mesmo tempo aposta no medo da classe-média de perder as suas conquistas. Tradicionalmente o discurso do PSDB é o do medo (vide Regina Duarte em 2002). FHC acredita que a chave para a retomada de poder está no confronto, na exploração do preconceito. A cartada final para ele seria o uso do conflito. A eleição passada foi uma amostra disso.

Ainda é freqüente que se vejam manifestações de paulistanos contra os nordestinos. A mídia prevalente exibiu, orgulhosamente, gráficos com o norte do país “Vermelho-Dilma” e o sul “Azul-Serra”. É a teoria do racha. FHC, como grande cientista social, afinal de contas, é dado a criar teorias. O PSDB tenta uma nova estratégia, a de dizer a verdade. Maquiar a verdade é bonito, mas tem sido pouco efetivo eleitoralmente. O partido albergue do elitismo finalmente se assume elitista. A nova aposta é o racha entre pobres e os de classe-média acima na pirâmide social. No fundo no fundo, é o mesmo de sempre: o PSDB aposta no medo.

A classe-média cresceu. Veio de algum lugar. Muitos cidadãos classe-média de hoje eram pobres ontem. Se eram pobres, aos olhos de FHC, tem uma capacidade de análise de segunda categoria. Podem cair na sua lábia, não entender que fazem parte da mudança proporcionada pelo Partido dos Trabalhadores, e aceitar o chamado para o conflito. Podem ter medo de não poderem mais contratar o porteiro do seu condomínio, a empregada doméstica para cuidar de sua casa e de suas crianças, de não ter mais condições de andar de carro próprio – confortos que adquiriram recentemente. Outras “Regina Duarte” virão, com certeza, concretas ou metafóricas. Estejamos certos disso.

A filosofia por trás da mudança é a da Direita Política. O discurso ficou feio porque sempre evoca o medo, o ódio e a intransigência. Adeus social-democracia. Nem no discurso os tucanos são mais social-democratas. Seria o fim dos belos pronunciamentos?

GENTE PROCURANDO GENTE...

Clique na imagem

quinta-feira, abril 21

Lula é pego em blitz da Lei Seca e perde carteira...

Simplesmente perfeito o post do blog brasilmaranhao.wordpress.com merece ser replicado por todos os blogueiros independentes.

Não. É claro, óbvio e evidente que o Lula não foi parado em blitz da Lei Seca.

O infrator da vez foi o senador do PSDB e ex-governador de Minas Gerais que mora no Rio de Janeiro (ah, tudo bem, o Sarney é senador do Amapá e mora no Maranhão… ou em Brasília?), Aécio Neves.

E se fosse o Lula ou algum outro petista de expressão a ser parado numa operação de trânsito, se recusar a fazer o teste do bafômetro e ter a carteira de habilitação apreendida pelo fato de estar vencida (renovar pra quê, se basta dar uma carteirada, não é mesmo) ?

O blog Quanto Tempo Dura, em mais uma peça genial, dá a dica sobre como seria a cobertura de alguns veículos da nossa respeitável grande mídia.

E se fosse o Lula?


Clique na imagem para melhor visualização



(Colaboração do Bacunauta: Natinho)


___________________
NOTA.:


Não entendeu?


Leia aqui

E Aqui

quarta-feira, abril 20

ATUALIZANDO A BAGAÇA...

Pessoal

Desculpa pela demora na atualização desta mer@#$%da... realmente é por falta de tempo mesmo, e um pouquinho de preguiça..., porém, vocês merecem desintoxicar a mente desta poluição cultural... chamada de Bacucu com Farinha.

Falando sério agora,

"Juro e prometo viver na fé cristã. Juro amar e honrar meus irmãos em Cristo. Juro não falar mal de nenhum dos meus antigos amigos evangélicos, católicos, padres, pastores e outros afins"...


Mas me prometam que irão ler esta matéria até o final e levar a sério as dicas..., a parada é escabrosa mano, se liguem na fita então...




COMO PROTEGER A SUA VAGINA DA UMIDIFICAÇÃO SATÂNICA




Toda mulher ungida sabe que quando a vagina fica molhada é porque Satanás está por perto!! Quando eu era Oca até quando via dois cachórros fornicando na rua eu ficava com a vagina umidificada, molhava tanto que até aparecia na calça jeans.

Hoje como sou uma mulher ungida, tomo alguns cuidados para que isso não aconteça. Pois ao presenciarmos qualquer tipo de fornicação, a vagina fica úmida como se Satanás a tivesse regado com pecado e nem as mulheres de bem estão livres disso.

Por isso fiz uma listinha de dicas para todas as mulheres ungidas. Dicas valiosas para que Satanás nem ouse chegar perto de sua vagina. Vamos conferir:

- Evite lavar a vagina com os dedos ou chuverinho, prefira a lavagem rápida e superficial, sem muito toque;

- Não olhe para a língua das lésbicas masculinas;

- Evite comer bananas, cenoura e outros legumes com formato de pênis. Se for comer, os corte de olhos fechados, para que você não veja o formato do vegetal;

- Não use bidê após defecar;

- Não deixe eu namorado colocar as mãos em seus seios, vagina, ânus, braços, pescoço, barriga... permita apenas que ele pegue em suas mãos, pois o fogo satânico pode subir e sua vagina molhar;

- Só coma linguiças e salsichas se elas forem picadinhas;

- Não escute músicas de cantores fornicadores como Fábio Junior, Maria Gadú, Leonardo e outros;

- Não chupe picolé, prefira sorvete de massa com colherzinha;

- Não use calcinhas que entrem em sua vagina;

- Não deixe homens e lésbicas masculinas a encoxarem em coletivos, como ônibus, metrô, trem... se sentir uma aproximação desvie o quadril ou se solte um gás intestinal para que o agressor se distancie;

- Em dias quentes não refresque a vagina com gelo;

- Evite usar o celular no vibra call (chamada vibratória em inglês)

- Não coloque travesseiro entre as pernas para dormir;

- Desvie o olhar ao ver cachórros fornicando;

- Não use absorvente de introdução;

- Ao acordar, coloque a mão sobre sua órgã sexual, ore em línguas e peça para que o Senhor a proteja de todo o mal;

Evite olhar para o volume da calça de homens negros;

- Não marque consulta com ginecologista do sexo masculino;


Alguns dizem que Deus faz com que a nossa vagina fique molhada para que o pênis entre mas fácil, mas isso é mentira!! Se for fazer sexo reprodutivo com o seu varão, lubrifique sua vagina com óleo ungido para dar proteção e para que o esperma fecundador dele chegue todo feliz em Cristo em seu úngido óvulo!!

Espero que tenham gostado de minhas dicas, pois elas também servem para a anti-sensualização!! Ai, como adoro passar conhecimento!!

Cley é inteligente, Cley é exemplo, Cley é ungida!! Cley é sequinha em Cristo!

(Fonte, clique aqui )


_________


NOTA.:


Bom...


Muita calma nessa hora... Neutinho, respire fundo, solte, respire fundo solte...


Todas as dicas de fáceis realizações digamos assim... mas gostaria de uma explicação mais detalhada, por isso, pergunto a um grande amigo e colaborador, ele que no Bacucu com Farinha, trata com maestria dos assuntos aleatórios...


O que me deixou com a pulga atrás da orelha é o seguinte, meu nobre amigo Jeff Picanço, a técnica do:

"desvie o quadril ou solte um gás intestinal para que o agressor se distancie"


... esta técnica é absolutamente fácil de realizar? Ou, precisa de uma combinação especial para que a mesma seja realizada com sucesso?

sábado, abril 16

UTILIDADE PÚBLICA

GENTE PROCURANDO GENTE

Bom dia, será que vcs podem me ajudar? Estou a procura de uma tia, não tenho contato com ela muitos anos, nem sei direito se é em Antonina ou Morretes que ela mora, pela radio fica mais facil localizar...eu acho. O nome dela é Ruth Corrêa, o nome de solteira, o marido dela é Arnaldo, tém 2 filhos, por favor entrem em contao comigo pelo e.mail: rmara02@hotmail.com

Regina Mara

quinta-feira, abril 14

SITUAÇÃO DOS DESABRIGADOS EM ANTONINA - PARTE II

Caixa de entrada
Marcar com estrela

Fortunato Machado Filho

13 de abril de 2011 17:39
Para: Bacucu com Farinha
XLI DIAS APÓS... A AUDIÊNCIA PÚBLICA?
"Eu não sei quase nada, mas desconfio de muita coisa"
(Grande sertão: veredas)
Por: Fortunato Machado Filho (13/04/2011)

Como em todo início de ano, 2011 amanheceu tomado por uma catástrofe considerada a maior de todas em Antonina e em Morretes. Mortos e desabrigados, paisagens desoladoras, regiões incomunicáveis e inacessíveis, ou seja, um caos generalizado fruto das chuvas convectivas, as temidas trombas d’água, verdadeiro tornado, no qual se tem chuvas intensas em curta duração, muitas das vezes, superiores à capacidade de suporte da bacia hidrográfica e das encostas de morros.

O certo é que, em razão das características naturais da região litorânea, infelizmente e independente de qualquer coisa, a gravidade do fenômeno seria inevitável, ainda que atenuável, situação que nos exige consternar com as famílias atingidas e refletir sobre as causas, conseqüências e ações passíveis de serem efetivadas no intuito de se evitar novas tragédias ou, ao menos, minimizar fatalidades.

Ocorre que ao contrário disso, alguns desavisados, outros aloprados e outros tantos oportunistas trataram de buscar culpados, politizando, inoportunamente, esta tragédia e partem para politicagem, aproveitando-se da fragilidade e da comoção do momento.

Triste é saber que no meio desta “população aloprada, desavisada e oportunista”, além dos "ecofinanciados" de plantão, têm-se, também, blogueiros tendenciosos, alguns dos quais, inclusive, mestre em desinformação. Óbvio que atitudes como estas não mais espantam os intelectuais de nossa época, pois é típico dos segmentos desprovidos de argumentos o apelo constante, na tentativa de desqualificar as propostas e argumentos da opinião balizada, quando não os próprios profissionais que as proferem.

Sob este prisma, torna-se interessante observar a existência de algo em comum no que tange aos aspectos fisiográficos nas regiões onde aconteceram as últimas tragédias naturais e em Antonina, quais sejam, o Vale do Itajaí em Santa Catarina, Angra dos Reis e a região serrana fluminense. Em geral elas são relativamente intactas desde o topo do morro até as nascentes, com níveis de proteção muito acima daqueles exigidos pelo Código Florestal. Em comum, ainda, estas regiões possuem solos rasos e litólicos (muitas pedras no meio da camada de solo), um alto índice de pluviosidade, situam-se em regiões costeiras e suas bacias hidrográficas apresentam baixa capacidade de estoque de água.

Óbvio que, mesmo que as características acima tenham o condão de explicar o motivo pelo qual regiões protegidas também não foram poupadas da indigitada tragédia, este episódio cria, de forma lamentável, uma insegurança não somente na população atingida, mas em todos já que não conseguem deixar de imaginar o que poderia ter acontecido se não houvesse proteção na área atingida dado o tamanho deste estrago.

Agora, não adianta procurar culpados, acusar governantes, reclamar da falta de planejamento urbano e de cuidados com o meio ambiente. Já foi.

Somos todos responsáveis, somos todos vítimas. É uma estupidez querer fulanizar, partidarizar ou politizar as tragédias, depois de 41 dias, em "audiência pública" com o claro intuito de expiação junto aos seus eleitores, pois nem solidaridade prestaram aos seus representados nos diversos abrigos. Isto posto, não nos causa espanto que, por exemplo, a regulação dos preços de suprimentos e mantimentos considerados como de primeira necessidade por parte deste status quo que ai está não seja realizada pelo poder publico – pois como já se sabe o preço de 20 litros de água chegou ao surreal valor de 40 reais, em meio à catástrofe em Antonina.
.
Comungando com o que conclama Bertoltd Brecht "Nós vos pedimos com insistência: nunca digam ‘isto é natural’ diante dos acontecimentos de cada dia". Contudo, que o espanto e a não naturalização seja o da indignação daquele que não se resigna, como defendido por Darcy Ribeiro, e não o espanto do incapaz de lembrar.

Descobri que muitos deles, antecipando-se a qualquer inquérito e com toda facilidade, já encontraram os culpados por tudo. Eu sei que vivemos no país dos linchamentos morais, mas deveríamos, por respeito aos mortos, guardar um pouco de silêncio e pudor, evitar a politização da tragédia e esperar pelos resultados das investigações técnicas. Quando, aí sim, os responsáveis deverão ser punidos com todo o rigor e até as últimas conseqüências.

Canduca fez o que se espera de um governante nessas horas difíceis: a manifestação “in locum” de solidariedade às vítimas. Ao contrário de outros políticos antoninenses eleitos, que evitaram ter a imagem associada a qualquer ocorrência trágica, o prefeito Canduca em 05 dias deu mostra de que não é um deles. Os bombeiros e homens da Defesa Civil de Antonina contaram com grande número de voluntários na árdua e exaustiva rotina de trabalho iniciada no dia 12/03. Meninas, meninos, homens e mulheres, ajudaram em tarefas que vão desde a busca de corpos até o auxílio a desalojados e desabrigados. Vários ajudaram no trânsito e informaram aos motoristas quais vias estão interditadas. Alguns voluntários são moradores das comunidades atingidas pelos deslizamentos. Todos trabalharam sem descanso para ajudar o próximo. Todos de sã consciência sabiam que: "Sei que não vou conseguir mudar (a tragédia na) nossa cidade... Mas que tento, tento: ajudando; acolhendo; alimentando; se solidarizando...com os desabrigados".

Lamentavelmente, no vídeo acima, o autor(a) vê na presença do Prefeito Canduca nos locais da tragédia, somente um motivo para desfiar picuinhas críticas. No geral, a mídia antoninense - não generalizando -, conservadora e comprometida, politiza qualquer tragédia, exercitando um tipo de jornalismo que nada acrescenta, e que passa ao largo da solidariedade. Assim, a chuva em Morretes é obra de Deus, em Antonina é culpa do Canduca!

Entre outras inúmeras demandas, um pacto ético é urgente para colocar Antonina no rumo da civilização.

quarta-feira, abril 13

VOCÊ PERGUNTA, EU TENTO RESPONDER

antonina na veia pergunta...

Neuton vc tem alguma informação sobre se nós aki antoninenses, não iremos poder retirar nosso FGTS ??/ Lá em Morretes a população vai poder retirar o maximo de R$5.000.Obgda

______________
Bacucu responde:

Olha, na veia...

Pelo o que eu sei... o governo federal estuda ainda a possibilidade de liberar novas linhas de crédito para a reconstrução de casas que foram destruídas pelas chuvas no litoral paranaense. Os recursos devem ser direcionados ao Estado, que fará o repasse aos municípios. O que tem que ser feito, é o prefeito pressionar o governador, caso contrário a coisa fica bastante meio lenta.

Referente estas séries de medidas de auxílio às vítimas (principalmente o FGTS), que foram declaradas aos quatro cantos... tanto por prefeito e governador nos dias da tragédia, tem que sair do papel o quanto antes, mais isso é para ontem senhores governantes.

Se Morretes já está liberando conforme vossa informação, é visto que lá não se dorme de touca.

terça-feira, abril 12

SITUAÇÃO DOS DESABRIGADOS EM ANTONINA

Fonte: You Tube (De: patinunes75)

_________
NOTA.:

Como se já não fosse suficiente o sofrimento desta gente... agora teremos que conviver com a falta de paciência, solidariedade e compreensão de alguns líderes...

COMUNICADO...

MARCIO BALERA - Disse:

Neuton, para seu conhecimento e de seus leitores estaremos realizando uma audiência pública para discutir o pós tragédia na Câmara dia 20/04, às 18:00 horas.

Se puder divulgar agradeço.

Grande abraço.

segunda-feira, abril 11

MOTIVO DE MUITO ORGULHO!!!

Enviado via e.mail pelo My Brother Irmão... Nelsinho...


Um estudo recente conduzido por uma Universidade Federal mostrou que cada brasileiro caminha, em média, 1.440 km por ano.

Outro estudo feito pela Associação Médica Brasileira mostrou que, em média, o brasileiro toma 86 litros de cerveja por ano.

Isso significa que, em média, o brasileiro faz 16,7 km por litro.

Não é para explodir de orgulho?

_____
NOTA.:

Mano, isso não lhe pertence mais... rsss

sobrevôo antonina...

... sobrevôo sobe Antonina (PR) para verificar os deslizamentos de terra que ocorreram em função das chuvas de 10 e 11 de março.

Por: Jeff Picanço

MANIFESTO SOBRE A FALTA DE ÁGUA...

Recebi um e.mail de uma amigo navegante que, por medo de represália política... solicita que o seu nome não seja divulgado.

Ele relata neste e.mail o seguinte,

... Caro colega Neuton

Como você sabe nós do bairro do Batel ficamos sem água por muitos dias, inclusive seu pai, sendo que ouvi do pessoal do Samae que há um encanamento que vem do Saivá... e que lá... tem água para abastecer o bairro do Batel e proximidades.

Ele continua dizendo... que já perguntou a vários políticos do Reino sobre esse assunto, e acredita que alguns políticos farão lobby político nas próximas eleições sobre o assunto.

"Não podemos ficar desse jeito, pois a Ponta da Pita e Penha nem souberam o que foi faltar água e nem foram solidários em ajudar o povo dos bairros afetados". Diz o amigo navegante.

E finaliza o e.mail com o seguinte apelo:

"Por favor colega ponha em pauta esse assunto para ver se alguém toma uma atitude, pois quando estourar canos no lado do Rio do Nunes nós batelenses nem sentiremos a falta da água.

Muito obrigado

quinta-feira, abril 7

DIRETO DO TÚNEL DO TEMPO...

Estava dando uma olhadela em alguns documentos velhos..., entre eles... encontrei um e.mail que imprimi... não chega a ser um tesouro arqueológico este e.mail..., deve ser mais ou menos de uns quatro anos atrás... mesmo assim tive uma perda súbita e transitória de consciência... rss

O e.mail é de um autor desconhecido, porém, quem o escreveu... deveria saber muito bem o que estava passando a nossa cidade naquele momento.

Começa assim o e.mail:

"Governar sozinho é uma pretensão irrealizável. Por isso, o político sábio precisa trabalhar com auxiliares tão capazes quanto ele próprio".

"Só as pessoas inteligentes procuram, para auxiliá-la, pessoas mais inteligentes do que elas".
(Baltasar Gracián - jesuíta espanhol - 1601/1658)

Acho que este e.mail não chegou em tempo até o endereço eletrônico do atual governante do Reino...


... e continua


Hoje, a política em Antonina beira o cinismo e subestima a inteligência da nossa gente.

Vamos deixar de lado a pavimentação do Saivá-Ponta da Pita, a construção de um Ginásio de Esporte e do Estádio Municipal de Futebol, a efetivação do Plano Diretor, da melhoria e segurança no transporte público, gestão profissional, educação pública municipal de qualidade e vamos às 10 promessas impossíveis:

1 - Pressionar o Governo do Estado para abrir processo licitatório visando à concessão precedida por obras de melhoramento da infra-estrutura do Porto Barão de Teffé, desapropriação pelo município de grandes áreas, as quais se encontram
com insuficiência de recursos para pagar os seus impostos, municipais, estaduais e federal, criar uma ZPE-Zona de Processamento de Exportação.

2 - Construção no Cabral, de cais pesqueiro e de infra-estrutura de venda de pescado (mercado público), serviços náuticos, marina pública, fábrica de gelo e posto de gasolina comunitária, tudo em prol dos pescadores de Antonina e que deverá ser gerenciado e conduzido por uma cooperativa de pesca. Criar um Parque Aquicola na Baía de Antonina. Criação de uma Reserva Florestal Extrativista.

3 - Revitalização urbana dos bairros do Portinho, Tucunduva, Bariguí, Jardim Maria Luíza, Pinheirinho, Ponta da Pita, Caixa d'água e, no centro da cidade a partir de recursos junto à fontes de financiamento (interna e/ou externa), construção de equipamentos de lazer, construção de casas populares, retirada das famílias das áreas de risco, de enchentes e de degradação ambiental, canalização do córrego do Hospital, pavimentação das ruas, interligação marítima Antonina/Paranaguá a partir da reconstrução do Trapiche Municipal.

4 - Construção do Centro de Convenções no antigo prédio da Coletoria Estadual, perto da Igreja Matriz, no mesmo local e com a mesma arquitetura externa que contempla o sobrado de um andar que se perdeu com o tempo e com o descaso.

5 - Urbanização e pavimentação do terreno urbano em frente ao campo da A.A. 29 de Maio em conjunto com o pseudo-mangue que há muito tempo vem sendo utilizado como depósito de lixo e local de despejo do esgoto de boa parte de dos bares e restaurantes (Antonina não é uma Dubai nos Emirados Arabes, mas até quando teremos que conviver com esta realidade?)

6 - Implementação do saneamento no Centro Histórico, de aterro sanitário controlado e de usina de reciclagem de lixo em local apropriado, sem o risco de comprometer a nossa baía.

7 - Concessão dos serviços de água e esgoto sanitário a uma empresa de notória competência na execução desta tarefa e de credibilidade para realização dos investimentos necessários.

8 - Reivindicar junto ao governo estadual e da agência federal responsável pela regulação dos serviços de concessão de energia elétrica, a execução dos investimentos previstos no contrato de concessão e de outros que possam melhorar a infra-estrutura alocada em atendimento ao município de Antonina, que devido à forte presença da mata atlântica, combinada com redes incompatíveis com as peculiaridades da região, sofre frequentes interrupções de fornecimentos.

9 - Criar uma Fundação de Turismo, destinando toda receita oriunda do ISS e demais taxas vinculadas à atividade turística para compor o Orçamento desta nova autarquia, devendo esta fundação ser também gerida por profissional qualificado e ter autonomia para executar a política de turismo em Antonina, independente do poder central, sendo fiscalizada pelo Conselho de Turismo, órgão deliberado na condução da atividade turística no município.

10 - Fortalecer o sindicato dos funcionários públicos, extinguir todos os cargos em comissão (deixar apenas o cargo de Secretário Municipal), elaborar e implementar um Plano de Cargos e Salários e realizar concursos públicos para todos os cargos previstos no novo plano.

E finaliza o e.mail:

Pelo jeito, a começar pela classe política, estas propostas acima elencadas serão motivos para galhofas e piadas. Será que elas realmente são impossíveis de realização? Nunca saberemos, pois estas serão algumas das nossas propostas aos candidatos a Rei no próximo reinado. Quem será, que as apresentará? Será que outro alguém tem propostas melhores, alguém tem competência para refutá-las?


ESTÁ CHEGANDO A GRANA... A GRANA ESTÁ CHEGANDO...

Caixa de entrada
Marcar com estrela

Agência Estadual de Notícias

Anexo 6 de abril de 2011 12:20
Para: BACUCU COM FARINHA
INFRAESTRUTURA E LOGÍSTICA
Municípios do Litoral receberão R$ 25 milhões para recuperação emergencial

O Governo Federal vai repassar R$ 25 milhões para obras emergenciais de reconstrução das áreas atingidas pelas chuvas dos dias 10 e 11 de março nos municípios de Antonina, Guaratuba, Morretes e Paranaguá, no Litoral do Estado, conforme projeto apresentado pelo Governo do Paraná.

A confirmação do repasse foi dada ao governador Beto Richa pela presidente Dilma Rousseff. "O Governo do Paraná agiu prontamente, com toda sua estrutura, desde o primeiro instante, fazendo o atendimento emergencial e de prevenção. Estamos dando toda a atenção às famílias desabrigadas e apoiando os municípios para restabelecer a normalidade", disse governador.

O reforço financeiro do governo federal vai ajudar a acelerar o trabalho que o Estado já está fazendo, sob a coordenação técnica da Defesa Civil, para recuperar a infraestrutura dos municípios, principalmente para a construção de moradias. "Nosso objetivo é devolver o mais rapidamente possível a qualidade de vida e moradias dignas para as pessoas", disse Richa, que esteve com a presidente Dilma Rousseff, nesta terça-feira, em Brasília, para discutir investimentos federais no Paraná.

No encontro o governador agradeceu pelo envio dos recursos e pela disposição dos ministros que receberam a ele e aos secretários estaduais no momento mais crítico para o atendimento às pessoas desabrigadas pela inundação no Litoral. "A idéia é trabalhar em conjunto com o governo federal e a presidente Dilma espera fazer grandes parcerias no nosso Estado", disse.

Os R$ 25 milhões repassados por meio do Ministério da Integração Nacional e Secretaria Nacional da Defesa Civil deverão ser utilizados na reconstrução e recuperação de moradias, de estradas rurais, pontes e vias urbanas, reconstrução e recuperação de prédios públicos, recuperação da canalização de rios e córregos e na recuperação de rodovias estaduais, entre outras obras emergenciais.

O detalhamento do plano de trabalho da Secretaria de Estado de Infraestrutura e Logística prevê o repasse em duas parcelas que somam R$ 9,341 milhões para o município de Antonina; R$ 8,883 milhões para Morretes; R$ 5,072 milhões para Paranaguá; e R$ 1,705 milhão para Guaratuba.

RECUPERAÇÃO DE ACESSOS - O Governo do Estado permanece com toda a estrutura possível trabalhando na reconstrução das áreas do Litoral onde foram mais graves os estragos provocados pelas inundações e deslizamentos de encostas de morros. Técnicos da Cohapar, Codapar, Copel, Departamento de Estradas de Rodagem, Defesa Civil, Águas do Paraná, Mineropar, Sanepar, Provopar, Secretaria da Família e Desenvolvimento Social, entre outros órgãos, seguem atendendo os moradores dos municípios.

"Nossa prioridade no momento é a abertura dos acessos aos locais mais isolados, para que as pessoas possam sair com segurança com seus veículos em caso de novas chuvas fortes. E também o desassoreamento, para aumentar a vazão da água de rios como o Jacareí, na localidade de Floresta, em Antonina", explica o chefe operacional da Defesa Civil do Paraná, major Antônio Hiller.

A Defesa Civil também está contratando uma consultoria técnica, que começa a trabalhar nesta quarta-feira (6), para realizar um levantamento complementar ao trabalho dos geólogos da Mineropar. O propósito é avaliar as condições de segurança para as pessoas permanecerem nas áreas que foram mais afetadas e também para avaliar as possibilidades de recuperação das áreas de produção agrícola e criação de animais.

"Pode haver casos em que a relocação de famílias terá um custo menor do que a recuperação de áreas que ficaram cobertas de pedras, areia, troncos e outros materiais", afirma Hiller.


AGÊNCIA DE NOTÍCIAS - PARANÁ
http://www.aen.pr.gov.br/
Secretaria de Estado da Comunicação Social - SECS
Palácio das Araucárias - Rua Jacy Loureiro de Campos, s/nº
CEP- 80530-915 - Centro Cívico - Curitiba - PR

__________
NOTA.:

Bacucu,
Para que serve um Edil???

BACUCU RESPONDE

- Sua principal ação é fiscalizadora... porém, tem vereador no Reino que nem de longe imagina que seu papel principal é fiscalizar o prefeito.





terça-feira, abril 5

"O POVO NÃO QUER SER AJUDADO"

Certo dia conversando com um amigo... falei da minha intenção em ajudar de uma forma ou de outra o meu Reino, este amigo é uma pessoa humilde, porém, muito prestativo e que já me resolveu muitos problemas, resumindo, ele foi preciso em sua analise ao se referir a minha ajuda, e me disse:

- Meu nobre Plebeu, já vi pessoas como você, tentando ajudar, mas tudo em vão, o nosso povo não quer ser ajudado. Durante anos, vejo a nossa identidade se perdendo ao tempo. Vejo políticos ficando cada vez mais ricos e os Súditos, como você gosta de chamar, cada vez mais pobres. Na minha época, políticos não tinha salários por estas bandas. Hoje..., hoje tem político sendo considerado o homem mais rico do Reino, e pasmee, somente com a política. E não faz questão alguma de esconder as suas riquezas. Guri, torcemos para a mesma escola de samba, sei o quanto você já fez pela nossa escola, lembro muito bem quando a sua casa lá pelas bandas do priorado do Bom Jesus do Saivá ficava 24 horas aberta fazendo fantasias, sua saudosa mãe mesmo sendo torcedora da Capela, ajudava nas confecções das fantasias da nossa escola, outros dois meninos incansáveis... te ajudavam, Zezinho (filho de Valter) e o Paulinho Bugre, e veja o que fizeram com você e o filho de Cid Cambota?

E conclui:

- Para minha revolta e indignação, o povo não faz nada, ninguém faz nada, pelo contrário, cada vez mais dão poder aos políticos aproveitadores. É por isso que eu digo meu amigo Plebeu, não perca seu tempo... “O Povo Não Quer Ser Ajudado”.

É!!! O que é que vou falar, “contra os fatos não há argumentos”.

Só mudando um pouquinho de assunto e pegando uma caroninha na matéria abaixo...

Em contra partida vejo pelos quatro cantos do Reino os ditos "ministros de Deus" ou pastores cobrando dízimos dos pobres miseráveis em troca de intercederem junto a Deus para lhes obter favores
.
É inacreditável que os elevados e descarados níveis de corrupção em nosso Reino façam com que estes canalhas conduzam os pobres ignorantes a acreditarem que podem subornar Deus.

Será que não existe ninguém capaz de dar uma orientação espiritual a esta gente de graça, sem cobrar nada? Onde Vamos parar ? Onde chegamos? Que pobreza é esta que os intelectuais assistem como se esta miséria estivesse acontecendo no Reino dos outros? Onde está a ética? Onde está a dignidade? Será que eu sou alienígena? Será por isso que sou taxado de burro, quando tento ajudar alguém que não quer ser ajudado?
Será que os pensadores deste Reino tem medo, não precisa ter medo, não é preciso dar dinheiro nem comida, temos que ensinar a esta gente que vale a pena sim ser honesto, ser batalhador, ser digno, sem que precise ser O Bobo da Corte...

segunda-feira, abril 4

CARTA ABERTA AO PASTOR E DEPUTADO MARCOS FELICIANO

O BcF reproduz o e.mail do amigo navegante Paulo Cequinel...

Esta carta aberta está em meu blog: prcequinel.blogspot.com
PAULO ROBERTO CEQUINEL


CARTA ABERTA AO PASTOR E DEPUTADO MARCOS FELICIANO

1. A Constituição Federal é maior e infinitamente mais importante que a bíblia ou qualquer outro livro supostamente divino ou sagrado porque, já em seu artigo 1º, assenta que o Brasil tem como um dos seus princípios fundamentais a dignidade da pessoa humana.

2. Já a sua bíblia defende explicita e claramente a escravidão, para citar apenas um exemplo que me ocorre, e você, pastorzinho homofóbico de merda, proclama e canta e garante que os africanos descendem de ancestral amaldiçoado por Noé, e que isto é um fato, e que tal maldição, e de novo recorro à sua inacreditável fé obtusa, explica os problemas todos vividos pela África. Vale dizer, pastorzinho homofóbico de bosta, que você e sua manada negam em nome de um deus que sequer existe qualquer condição inata de dignidade aos africanos, concedendo-lhes a redenção, entretanto, - oh, o deus inexistente é tão misericordioso -, se aceitarem cristo ou besteira assemelhada. Eu, de cachola de poucas luzes, fico com a dignidade que nossa lei maior proclama e nos impõe buscar e me permito, comendo minhas goiabinhas regulamentares, acrescentar mais um problema ao rol dos desafios da nossa África: livrar-se da invasão dos missionários que oferecem aos africanos a tal da redenção em cristo desde que, é claro, deixem uma graninha nas suas indefectíveis e imorais sacolinhas coletoras de coisas daqueles que nada possuem.

3. Meu filho mais novo é gay e, por amá-lo incondicionalmente, tenho o dever irrenunciável de protegê-lo de ataques de gente da sua laia porque, que fique claro, a dor que ele sentir, de qualquer tipo, será também a minha dor e eu não posso permitir que meu menino sofra. Seu deus inexistente, pastorzinho-monte-de-estrume, diz que meu filho é amaldiçoado, e você ecoa estas merdas, e você proclama que ofender meu filho, seu filho-da-puta homofóbico, é um direito seu e da sua manada de cristãos bovinos que tangidos, como é próprio, babam bovinamente.

4. No que depender das minhas forças declaro que não será ele que ficará acuado pelo preconceito, pela intolerância e pela violência. Ao contrário, vocês é que haverão de sentir-se constrangidos e acuados, e isso será feito, sempre, nos meus termos, ou sendo bem mais claro: quem, segundo meu juízo e entendimento, ofender, constranger ou ameaçar meu filho, por qualquer meio em qualquer lugar, estará autorizando resposta pronta e rápida de minha parte: bateu, pastorzinho homofóbico canalha, levou, e comigo não tem essa conversa mole de oferecer a outra face.

5. Recuso-me terminantemente a considerar um energúmeno da sua extração merecedor do tratamento protocolar de Vossa Excelência, pois isso seria afronta e grosseria ao digno deputado Jean Wyllys (PSOL-RJ) e, também, porque um patife como você que diz que meu filho e eu temos ‘sentimentos homoafetivos podres’ mereceria tratamento respeitoso, seu homofóbico de merda?
6. Se entendi direito, você é pastor da Assembleia de Deus, e – quioispariu! -, é cantor, ou seja, além de nos encher o saco obrando as baboseiras religiosas que ofendem o senso comum, você canta as porcarias todas do gospel-gosmento, abusando infinitamente da nossa paciência. Quiospariu, pastorzinho indecente, poupe-nos da sua cascata de porcarias!

7. Você disse que “a podridão dos sentimentos dos homoafetivos levam ao ódio, ao crime, a rejeição”, e eu afirmo que meu filho e o povo LGTB não têm “sentimentos podres” de qualquer tipo e, que fique bem claro, seu homofóbico filho-da-puta, o que produz ódio, rejeição e crime não são os sentimentos homoafetivos, é gente da sua laia que provoca essas coisas, seus lazarentos. Sentimentos podres, emérito calhorda e monumental filho-da-puta, inundam em verdade sua cabeça depois de ter sido tomada por esta fé insana, doentia, obtusa e perigosa.

8. Não seja assim mentiroso que o seu deus, mesmo inexistente, pode não gostar. O deputado Jean Willys não chamou a bancada evangélica para nenhuma guerra. Pelo que sei, apenas confirmou compromisso explicitamente assumido em sua campanha, o de que o seu mandato seria espaço de discussão, defesa e de luta pelos direitos dos homens e mulheres LGBT. Vocês, bando de cagões religiosos que constituem perigosa tropa do atraso e da escuridão é que declararam a tal guerra, e isso faz muito tempo. E você, especificamente, bradou no último dia 31 de março: “Conclamo a Mídia Cristã responsável, pois existem também no nosso meio cristão uma MIDIA MARROM, inescrupulosa, baixa, irresponsável e leviana, que se alimenta de especulações e fofocagens! Nesse momento não é o meu nome que está em jogo, nesse momento estão em jogo comigo MILHÕES DE CRISTÃOS QUE LUTAM PELA FAMILIA ASSIM COMO EU.” Ou seja, você escreve uma montanha de merdas e, em face da justa reação das pessoas de bem, trata de convocar uma espécie de cruzada. Era só que nos faltava, pastorzinho homofóbico, pulha e racista.

9. Não sei se você sabe, eminente produtor de interpretações safadas da bíblia, mas sexualidade não é escolha ou opção, é fato da vida e ponto final. Meu filho não é nenhum criminoso, ou anormal, não precisa de cura e é, claramente, um menino honesto e bom, amoroso, que respeita sua família, que gosta de trabalhar coletivamente, mas, para gente estúpida e abostada como você, ele deve esconder-se, anular-se, negar-se, envergonhar-se. Proclamo que meu menino, enquanto eu estiver por aqui, exercerá abertamente o definitivo direito de viver sua sexualidade e sua vida, e sua busca por felicidade, e anuncio que dele me orgulho, dentre outras razões, exata e precisamente por ter decidido não esconder-se. Meu guri, além do mais, tem coragem.

10. Sou ateu e isso nunca teve, e não tem, nenhuma importância, e sempre respeitei, deputadozinho produtor de cocô pretensamente santo, a fé professada pelas pessoas, e tenho muitos amigos que são fervorosamente evangélicos ou católicos, e mesmo meu menino Jean acredita em um deus. Agora, quem proclama, como você, que os povos africanos são amaldiçoados por um deus inexistente por terem uma religião diferente da cristã, deve merecer de minha parte combate frontal e direto. Quem é capaz de crer neste tipo de porcaria e de, lendo no livro das inutilidades, sandices supostamente divinas que poderiam lhes conferir uma espécie de ‘direito’ de serem intolerantes e preconceituosos contra o povo LGTB, bem, você e outros religiosos de merda não terão de minha parte nenhuma condescendência: para jaguaras da sua espécie, saiba, do pescoço pra baixo é canela.

11. Se você decidir processar-me devo dizer que repetirei diante de qualquer juiz o que escrevi, de modo que vamos lá, bostinha rançoso e lídimo representante do atraso e das trevas, anote aí: sou Paulo Roberto Cequinel, RG 847.060-0/PR, aposentado, residente à Rua João Leão, 324, Bairro Batel, 83370-000, e posso ser encontrado facilmente no fórum da Comarca de Antonina/PR, à Travessa Ildefonso, 115, onde faço trabalho voluntário de assistência aos presos e, como minha sala fica exatamente ao lado da dos Oficiais de Justiça, serei rapidamente alcançado pelo longo braço da lei.

12. Há entretanto em sua vida, pastorzinho jaguara, homofóbico e filho-da-puta, um problema insolúvel, e nem seu deus inexistente dele dará conta. Não existe no mundo juiz que me obrigue a acreditar que você NÃO É um pulha e um pústula. Simples assim, seu bosta: você é um pulha e um pústula.

Ao tempo em que reafirmo minha integral indignação e repúdio, esclareço que esta carta aberta tem por escopo defender irrestritamente a integridade moral e a imagem do meu filho. Filho-da-puta algum que ouse fazer isso pode achar que ficará sem resposta.

PAULO ROBERTO CEQUINEL

PS 1: Seu sorriso sestroso, seu cocozão homofóbico e racista, é tão verdadeiro quanto uma nota de 3 reais.

domingo, abril 3

O REI PROMETE 100% DE FALTA DE ÁGUA EM 2012


Se nos últimos dias os súditos do reino tem convivido com a falta de água, ele já pode ir se preparando para incorporar esse fato na sua rotina.

Hoje pela manhã, em declaração para a imprensa tupiniquim, o Secretário Adjunto da Diretoria de Onde Está Wally?... afirmou que os súditos estão passando por um período de testes, e que o Reino planeja tirar de funcionamento de 25 a 30% dos encanamentos hoje existentes.

“A razão para que façamos isso é muito simples: eficiência de gastos”, afirmou Adelino Conta-Gotas.

“Durante o ano passado, observamos que quase 40% da água que o Reino consome vem dos rios Cupiúva e Pinguela Solta".

Segundo o secretário de Onde Está Wally, o Palácio Real aproveitou as últimas semanas de intensas chuvas para fazer testes de “stress”, verificando se seria aceitável a ausência de algumas tubulações em dias de chuvas torrenciais (quando a vida no Reino se complica ainda mais).

“O período de testes foi um sucesso. Nos dias de chuvas mais intensas, desligamos as tubulações de alguns bairros sem grande movimento habitacional, como Batel-Levou x Centro e Jardins das Marias e Luizas. O resultado é que os banhos aumentam apenas 27%, contra uma economia de 180.000 Litros de água por hora. A conta fecha”.

O secretário de Onde Está Wally anunciou que as tubulações que deixaram de funcionar serão desligados definitivamente a partir da segunda semana de abril. Além disso, ao ser perguntado sobre o destino da verba economizada, se seria destinada à saúde ou educação, não titubeou.

“Toda a economia de água ao longo do ano será usada na árvora de natal do coreto. Temos o objetivo de criar a árvore de natal mais iluminada do mundo”.

Morretes está linda de novo (*)


No sábado estive conversando com um amigo de Morretes aqui em Curitiba, ele me contou que o nosso amigo Amilton de Paula (prefeito de Morretes), contratou 35 trabalhadores além dos funcionários de serviços gerais da prefeitura... contratou para limpar e lavar as ruas da cidade... e que realmente Morretes continua linda.

O BcF reproduz comentário do dia 30/03/2011 do site Correio do Litoral.com

Mas os filhos dos garçons, das camareiras, cozinheiras, balconistas precisam que seus pais sejam chamados para trabalhar novamente....


O TURISTA sumiu. Os restaurantes e pousadas estão vazios, as lojas não vendem nada, o comércio está praticamente parado, restaurante que atendia com 30 funcionários esta trabalhando com 5, local que precisava reservar mesa, atendeu dia 27 domingo o meu grupo pela primeira vez após o incidente das chuvas, com uma cozinheira e uma atendente.


Não é pelos Proprietários que precisamos fazer algo, mas pelo cidadão funcionário que precisa do seu salário novamente.


Enquanto as agências de turismo não voltam a trazer pessoas de fora, VAMOS LÁ!

Una-se ao seu clube de BIKE, de MOTO, do FUSCA, do FUTEBOL, da IGREJA, da MELHOR IDADE, do TRABALHO; Chame o seu grupo de amigos e vá VISITAR MORRETES e ANTONINA.


Você aposentado, va durante a semana, vamos assumir o papel de turista.


Porque Sta. Felicidade se você pode almoçar em Antonina?


Como Arquiteto vai uma dica! Há muito artesanato e artigos para decorar sua casa! Vá até la e confira; Leroy Merlin não precisa de você!!! Mas o agricultor precisa vender sua farinha, seu melado, sua produção.


Afinal, doações não pagam suas contas. (**)


Pense nisto, e divulgue essa ideia.


Eu já desci nos dois fins de semana; e você, vai ficar em sua casa?????


Fernando Neumann - arquiteto


PS: não esqueça da reserva, o comércio precisa chamar seus funcionários para te atender.


(*) lindo está o centro da cidade, nos arredores as “feridas” ainda estão abertas.


(**) Já há doações suficientes de alimentos, água e roupas. O dono da mercearia também precisa vender o seu produto.


EXCLUSIVO: OBAMA FALA AO BcF


Veja a íntegra:

- Mr. Obama, please, could you say something to the readers of BcF?
- No.







(Colaboração do Bacunauta: Natinho)

sábado, abril 2

BI-DOUTOR - DIA DESSES FOI EM PORTUGAL... AGORA NA ESPANHA... HAJA PULSOS PARA SEREM CORTADOS

Lula, doutor em Salamanca

La USAL nombrará doctor ‘honoris causa’ a Lula de Silva

Actualizado viernes 01/04/2011 08:12 horas

do site do jornal El Mundo, da Espanha

O Conselho de Governo da Universidade de Salamanca aprovou a nomeação de Doutor Honoris Causa a Luiz Inácio ‘Lula’ da Silva, ex-presidente do Brasil, a ser submetida à ratificação do conselho de doutores. Dita distinção foi aprovada pelo departamento de Didática, Organização e Métodos de Investigação da Faculdade de Educação e pelo de Língua Espanhola da Faculdade de Filologia. Com o acordo de ambos, o diretor do Centro de Estudos Brasileiros, Gonzalo Gómez Dacal, exercerá o papel de padrinho de entrega. O professor Gómez Dacal foi o encarregado de pronunciar a defesa da candidatura Lula da Silva na sessão do Conselho de Governo.

Entre os méritos que avaliam a investidura se inclui o esforço realizado por da Silva para universalizar a educação de toda a população do Brasil, tanto no nível básico como em estudos superiores, para os quais criou um sistema de bolsas com importantes dotações orçamentárias. Igualmente, aumentou o orçamento e melhorou a situação do professorado com o objetivo de dotar o coletivo da dignidade necessária para conseguir que toda a população do Brasil, um país onde os índices de desenvolvimento e crescimento são elevados e que se já se apresenta como uma das grandes potenciais econômicas do futuro, tenha a seu alcance os melhores níveis de educação e cultura.

A proposta do Departamento de Língua Espanhola se juntou ao da Educação para assinalar como mérito o ensino obrigatório do espanhol no Brasil através da conhecida “Lei do Espanhol”. A Universidade de Salamanca será assim a primeira instituição acadêmica espanhola a realizar a proposta.

_________

NOTA.:

Olha o harakiri aí gente!!!