segunda-feira, junho 30

NOITE DE AUTÓGRAFOS

VOCÊ AMANTE DE UMA BOA LEITURA, NÃO PODE PERDER...

ENQUANTO ISSO NUM REINO NÃO TÃO DISTANTE...

CONVENÇÕES POLÍTICAS GUARAPIROCABANA - HISTÓRIA DE HOJE: VICE PARTE I


FALA QUE EU TE ESCUTO

Um jornal italiano o "Corriere Della Sera" publicou uma matéria que mostra o relacionamento das crianças italianas com o Menino Jesus.
E públicou algumas conversas dessas crianças.

O Bacucu com Frainha, coloca agora na integra as perguntas e também as provaveis respostas...


"Querido Jesus, por que você não está inventando nenhum animal novo nos últimos tempos? A gente vê sempre os mesmos.." (Laura)
É por causa do nome. O difícil não é criar um animal, mas sim dar o nome. Dá até uma preguiça só de pensar.

"Querido Jesus, o Kleber e a Mônica são seus amigos?" (Humberto Olho de Boto)
Eles são meus amigos sim. Tanto é que o povo guarapirocabano estão querendo que eu fale com eles pessoalmente aqui.

"Querido Menino Jesus, por gentileza, mande-me um cachorrinho. Eu nunca pedi nada antes, pode conferir." (Bruno)
Não temos cachorrinhos em estoque, pode ser um escorpião?

"Querido Jesus, eu gosto muito do padre-nosso. Você escreveu tudo de uma só vez, ou você teve que ficar apagando? Qualquer coisa que eu escrevo eu tenho que refazer um Monte de vezes." (Franco)
Na verdade o padre-nosso eu escrevi em parceria com São Pedro, mas na hora de registrar eu coloquei só meu nome. Ele tá puto comigo até hoje. (risos)

"Querido Jesus, você é invisível mesmo ou é só um truque?" (Giovanni)
Depende da flexibilidade da calda do jacaré. (risos de novo)

"Querido Jesus, se não tivesse acontecido a extinção dos dinossauros, não ia ter lugar para nós, você fez muito bem." (Maurizio)
Claro que teria lugar. O seu por exemplo, seria no molar inferior esquerdo de um T-Rex.

"Querido Jesus, nós estudamos na escola que Thomas Edison inventou a luz, mas no catecismo dizem que foi você. Pra mim, ele roubou a sua idéia." (Daria)
Aquele filho de uma vaca... ele está sempre roubando minhas idéias.

FRASE DA SEMANA

"O PREFEITO GUARAPIROCABANO É UM MIDAS MODIFICADO: TUDO QUE ELE TOCA VIRA BOSTA"

domingo, junho 29

SEUS PROBLEMAS ACABARAM - PLASTICO BOLHAS ONLINE

Você anda muito nervoso? Vontade de estrangular o prefeito da sua cidade? Seus problemas podem estar perto do fim. Sabe aquele plástico cheio de bolhas de ar, que é ótimo pra se ficar estourando? Pois é…agora, existe uma versão online! É uma ótima maneira de se acalmar! Melhor do que Maracujina ou Floral ! Mais rápido que Lexotan! E mais barato que psiquiatra! É o Plástico Bolha Bacucu com Farinha ! Agora em versão eletrônica! É só clicar no link logo abaixo e divirta-se!!!



CLIK AQUI
MAIS UM PRODUTO DAS ORGANIZAÇÕES GUARAPIROCABANA

sábado, junho 28

DEMOCRACIA É ISTO...

Primeiramente, gostaria de deixar o espaço reservado aos candidatos a prefeito da cidade de Antonina-PR para expor seus argumentos, os respectivos planos de governo ficará para uma próxima entrevista, os nossos colaboradores já estão entrando em contato com os assessores políticos dos candidatos: Canduca - Munira - Kleber e Fernando Matarazzo, para uma próxima entrevista, se houver coragem dos candidatos é óbvio... hehehehe


Hoje o entrevistado é o José Luiz Velloso pré-candidato do PTC a prefeitura municipal de Antonina-PR.

Bacucu com Farinha: - José Luiz esta pronto para responder as perguntas?

José Luiz: - Primeiramente, quero agradecer pelo espaço mesmo que seja por um breve contato com os internautas freqüentadores do Bacucu com Farinha.

BF: - Ok!!! Obrigado pela credibilidade ao blog. José Luiz, você estará respondendo perguntas pertinentes a sua pessoa e a sua vida pública, certo?

JL: - Tudo bem, vocês devem saber de que posso responder perguntas que sejam voltadas a minha pessoa mesmo, pois não sou porta voz de ninguém. (risos)

BF: - Certo, agiremos com a maior transparência.

JL: - Estou a disposição do Bacucu com Farinha.

BF: - Primeiro colocarei perguntas que foram enviadas por vários bacunautas, certo, depois farei perguntas aleatórias, conforme a vossa resposta.
PERGUNTO: José Luiz, você até pouco tempo foi secretário de turismo e cultura na gestão atual (Kleber) certo? A falta de sucesso nestas secretárias e parte desta situação que se encontram hoje estes dois órgãos municipal, se dá por não ter nenhum apoio do prefeito ou por falta de uma política estrutural a estes secretariados?

JL: - Eu assumi e fui secretário de turismo e do esporte primeiramente. Bom, entrei para dar um respaldo por se tratar de um desafio na referida pasta e buscar recursos para desenvolver a infra-estrutura, por equívocos demonstrado pela política de prioridades da atual gestão a qual fiz parte, fez com que perdêssemos os recursos. Porém, no que se refere ao esporte, fiz tudo o que estava dentro das condições.
Muito do que foi desenvolvido teve a interferência dos recursos municipal (jogos da juventude e jogos abertos, além dos jogos de verão). Agora se não deu para fazer mais, foi pela ausência de empreendedorismo e a falta de interesse do atual prefeito.

BF: - Mas você sabia desta situação toda, e mesmo assim aceitou o cargo, por que?

JL: - É minha missão sempre aceitar desafios, e foi muito bem compridas. Cerca de 1 milhão de em emendas parlamentares nas quatro vezes em que estive em Brasília eu trouxe. Sendo elas todas voltadas para melhorias da infra-estrutura de nossos equipamentos turísticos e da infra-estrutura de nossa cidade. Emendas essas que foram desperdiçadas. Só mais um detalhe, nestas quatro vezes não foi gasto nenhum centavos dos cofres público municipal, pois, através de meu relacionamento, passagens e estadias, foram gratuitas, não teve gasto algum para o nosso município.

BF: - José Luiz, até alguns dias atrás você fazia parte do clube fechado do Kleber (Prefeito de Antonina-PR), ou seja, pertencia com cargo de graduação o stafe do Kleber, agora eis que vem você se dizendo rompido com ele (Kleber) e se insurge como candidato a prefeitura. Nos diga, você está servido a quem?

JL: - Depois da minha convicção, eu sirvo primeiramente a Deus este é o meu caráter. Fiz parte sim da atual gestão, e fiz jus pelo que recebi, em muitos dos momentos para que pudesse realizar algo, tive que tirar dinheiro do meu próprio bolso. Mas minhas convicções estavam sendo bolinadas. Quando no dia 2 de março perdemos todos os recursos oriundos das emendas parlamentares, então protocolei minha carta de exoneração e saí. E referente a minha candidatura, assim como o Canduca, através de um direito constitucional, eu sou candidato como o Fernando Matarazzo o Kleber e a Munira e por pensar de forma diferente destes candidatos, eu me lanço candidato.

BF: - Mas as cabeças mais esclarecidas não estão engolindo muito essas história de você lançar-se candidato a Prefeitura, logo contra o teu líder Kleber de Oliveira Fonseca, achando até que se trata de um jogo de cena mal elaborado, a estes o que você tem a dizer?

JL: - Nada, todos podem pensar o que bem entenderem, não tenho como mudar a cabeça de ninguém. Vivemos numa democracia, aos que tem esta opinião precisa me conhecer, para então formar uma determinada opinião, não sirvo para muletas, fui uma vez, como o ser humano erra e errar é humano... porém se persistir nele, é burrice. E eu não rompi, eu me desliguei do atual prefeito. Por este motivo não me uno a ninguém, pois, ser usado novamente seria um erro gravíssimo.

BF: - Qual a tua opinião, ou melhor, visão da administração Kleber?

JL: - Uma administração que tinha tudo para ser uma das mais produtivas, e por erros puramente próprios, e por falta de sensibilidade, perdeu o controle, e está terminando da forma triste e solitária como esta. Um verdadeiro caos.

BF: - José Luiz, dizem que você era o mentor do jornal oficial do município e que as edições eram feitas na gráfica do Neivo Beraldin, e o pagamento dessas impressões eram feitas através de cheques de um parente próximo de você. Não era o município encarregado desses pagamentos?

JL: - O que? Nunca, isso é mentira. (tempo)
Era no início rodado na gráfica do Grupo Paulo Pimentel e depois pela gráfica do Marcos Madalosso, e eu era sim o jornalista responsável, e nunca existiu nada de jornal com o Neivo e nem com parente nenhum.

BF: - Existia e existem aqueles secretários que não sabem o que fazer em tais secretarias nesta atual administração e outras passadas, você poderia nos citar nomes, ou melhor, se eleito for quem você chamaria destes secretários para formar a sua administração?

JL: - Sobre a particularidade da atual gestão acredito que seja mais pertinente que alguém dela para dizer. Se Deus e a população antoninense me agraciar com a possibilidade de estar a frente do comando da nossa Antonina, assumo aqui a responsabilidade de não transformar a prefeitura num cabide de empregos, e conchavos de divisão do bolo referente aos acordos partidários. Por esse motivo, na administração da mudança, os tradicionais vampiros não vão estar presente.

BF: - Então quase nada será aproveitado desta administração atual? E você poderia nos falar quem não faria parte desta sua administração?

JL: - Para estar em nossa administração, pessoas que vise apenas o cargo e não tenha o perfil preponderante de saber atender, respeitar, e acima de tudo, expor soluções para os problemas, estas com certeza estão fora. Sabemos de que a prefeitura não goza de uma situação financeira saudável, e para tanto, os escolhidos tem que buscar as alternativas.

BF: - Mas quem não faria parte... nomes?

JL: - A arrogância não fará parte de nossa administração, não costumo personalizar, não tenho rejeições personalizadas, questão de ética.


BF: - Certo, falando um pouco em turismo, como você hoje vê a situação de total abandono por parte do prefeito em vários pontos turísticos de nossa cidade, cito alguns, por se tratar de suma importância a economia local (trapiche municipal, a fonte da carioca, a fonte da laranjeira, a retirada de circulação do trem de passageiros e as charretes das ruas)?

JL: - Nossa cidade não está na era da erva mate, muitos esquecem de que estamos num século adiante, e que prioritariamente temos a vocação do turismo, e que para tanto podemos ir em busca dos recursos. O abandono é reflexo da administração atual, o descaso com as emendas parlamentares, que iriam sim transformar e deixar os equipamentos turísticos a contento de todos. Mais infelizmente a visão dos políticos passados é essa, esporte, cultura e turismo não dão votos. Eu particularmente tenho certeza que pode não dar votos, mas forma uma cidade muito melhor, com uma juventude saudável, longe das drogas.

BF: - Não podemos generalizar quando você fala em políticos do passado, pois foi a visão dos políticos do passado que fez Antonina a mais importante do estado e o quarto porto privado do Brasil?

JL: - Concordo, mas não podemos viver de saudosismo, é importante termos estas lembranças como um norte. Sempre em nossas vidas temos que nos mirar em fatos importantes, mas temos que traçar novos horizontes, traçar os nossos próprios caminhos, fazer a nossa história. Jamais eu teria a presunção de macular os homens do passado.

BF: - Este alto índice de rejeição do atual prefeito (Kleber) hoje, a que você atribui, pois você sabe como ninguém dos pontos falhos desta administração?

JL: - Em minha modesta opinião se deve ao distanciamento da população, a falta de flexibilidade em lidar com as adversidade, o homem público tem o dever de respeitar as opiniões alheias, partindo do princípio que ninguém detém a verdade plena.

BF: - Não obstante essa administração a qual você pertenceu, se julga a dona da verdade?

JL: - Quem me dera eu vir a ser o dono da verdade, eu pertenci a administração da flexibilidade, da ousadia, da busca incansável pelos recursos, e plea administração de saber ouvir a população e as opiniões adversas, tanto que sempre recebi todos, sem qualquer retaliações, sempre me coloquei de forma oposta as adotadas pelo prefeito (Kleber).

BF: - Você disse, que iria bater tanto no Kleber como na Munira (Mônica), pois não? Então diga o que você quer dizer com isso?

JL: - Estava esperando esta colocação. Veja bem, quando me refiro a bater, quis me referir sobre o que eles representam. Eu terei o meu tempo para expor que eles representaram o retrocesso, e que sou diferente de ambos, com idéias diferente. A maneira de me comparar como o Kleber não vai colar, pois somos pessoas diferentes, de personalidades diferentes, de visão diferentes. Estivemos juntos, pois, assim como várias pessoas digamos que cerca de 5 mil pessoas acreditaram na mudança... me enganei... todos se enganaram... lutei, batalhei... mas não consegui.

BF: - Mas você demorou muito para perceber isso, não José Luiz?

JL: - Não existe o tarde... pois antes tarde do que nunca.

BF: - José Luiz, tenho uma pergunta de uma bacunauta por email, ela pergunta: O que você acha na condição de mais jovem dos candidatos, sobre “Amar ou deixar Antonina e o que você pensa sobre o ufanismo ou do derrotismo?

JL: - Não considero ufanismo, mas os jovens assim como tem que sair por falta de uma política pública voltada para a inserção social e de geração de empregos e de renda, porém amar, a maioria ama, mas todos tem suas perspectivas, por isso voam para outros cantos, pela falta de expectativas.

BF: - Um momento de constrangimento quando exercia a função de secretário?

JL: - Alguns... mas em todos eu me posicionei.

BF: - Uma pergunta que não pode ser passada em branco, o que houve durante e depois das eleições de 2004, por que jogaram daquela maneire com o Canduca, inventaram uma múmia e culpando o Canduca daquela agressão onde você foi o personagem principal dessa história?

JL: - Todos disseram ter planejado, eu não planejei nada, em nenhum momento o tal fato, três jovens estavam em meu carro fazendo algo que era rotineiro, fazíamos as sondagens da retirada de nossos baners de poste na esquina da avenida Thiago Peixoto e eis que ele apareceu e me agrediu, eu fui agredido sim, só não fui idiota de revidar, foi algo que aconteceu não tenho magoa nenhuma do canduca e respeito muito ele.

BF: - Se você não fosse candidato, quem você apoiaria?

JL: - Não iria me manifestar, nem apoiar, pois já tinha tido uma prova viva de não acreditar em mágicas, e pensaria. Mas certeza de que iria votar. Mas parto do principio de que quem já foi, teve sua possibilidade de fazer, se não fez, perdeu sua oportunidade. Não devemos voltar ao passado.

BF: - Você teme que associem a sua imagem a esta desastrosa administração Kleber?

JL: - Não, pois todos que tiveram a oportunidade de conviver comigo seja como funcionário da PMA ou munícipes que necessitava de alguma informação na prefeitura, sabe distinguir o joio do trigo. O Kleber tem sua personalidade e suas ações, e respondera por elas... eu sou o José Luiz Velloso (Maravilha), que responde pelos seus.

BF: - Antes das considerações finais, você tem alguma coisa a falar sobre aquela entrevista com a ministra Marta Suplicy?

JL: - Em primeiro, me acusaram de que fui o idealizador da matéria, todos disseram coisas a meu respeito sem me dar o direito do contraditório, sempre quando eu falo, escrevo matérias eu assino. E naquela oportunidade não foram minhas palavras, sempre tentaram me jogar contra o estado.

BF: - José Luiz, gostaria aqui em nome de vários internautas que acessão este blog, agradecer pela sua participação, foi muito importante para a democracia e para o desenvolvimento, e principalmente do futuro da nossa querida Antonina, usamos de transparência, e, em nem um momento tentamos manipular questões, foram abordados assuntos pertinentes a sua vida pública, somente isto. Meus parabéns, deixo a você as suas considerações finais.

JL: - Quero agradecer ao Bacucu com Farinha pelo espaço e pelas perguntas que foram enviadas, logo poderei de forma direta expressar as idéias, propostas que as pessoas de nossa cidade nos oportunizam. Um plano de governo voltado para a cidadão. Muito obrigado mesmo, por poderem me oportunizar o espaço para esclarecer muitos mal entendidos. O site Bacucu com Farinha está de parabéns pela iniciativa.

sexta-feira, junho 27

HOJE ESTOU IMPOSSÍVEL...

Em Antonina um circo... um circo em Atonina...

Aí o dono do circo resolveu criar um desafio…No meio do espetáculo ele anuncia para a platéia:

-Pagaremos R$ 1 Milhão para quem executar as 3 tarefas impossíveis:

1) Fazer nosso elefante saltitar
2) Fazer nosso elefante sentar
3) Fazer nosso elefante falar

De repente levanta um homem:
- (Tube) Eu faço, mas tem que apagar a luz.
Meio ressabiado, o dono do circo chama o homem para o palco, manda trazer o elefante e diz para apagar a luz.
Quando a luz se apaga Tube da o maior chute nos ovos do elefante e pede para acender a luz, e o elefante está saltitando de dor.
-Agora a 2ª tarefa - Pede o dono.
Apaga a luz - Disse novamente Tube. E da uma paulada com um taco de golfe nos ovos do elefante que agora senta de tanta dor… e mais aplausos da platéia.
-Agora a 3ª tarefa - Diz o dono.
-Apaga a luz - Pediu pela última vez Tube.

-APAGA PORRA NENHUMA!!! - Grita o elefante...

PROPAGANDAS QUE VOCÊ GOSTARIA DE VER...





BAFÔMETRO EM PASTOR

Se dirigir não beba...

se beber me chama...

A MORTE DE UM VEREADOR GUARAPIROCABANO...

OBS.: Para esta piada, você pode usar outros nomes de vereadores guarapirocabano... cabe bem...hehehe

Boiadeiro morreu e foi para o Céu... ((ESSA JÁ VALEU A PIADA !!!!)
Chegando lá, após breve entrevista, São Pedro recomendou que ele ficasse quinze dias na ala dos filósofos, para aprimorar sua cultura, já que tratava-se de um ex-vereador.
No dia seguinte, preocupado com a decisão que tinha tomado, São Pedro foi até a ala dos filósofos e pela fresta da janela surpreendeu Confúcio conversando com Boiadeiro.
O velho sábio estava com uma péssima aparência, mais amarelo que nunca e, profundamente irritado, dedo em riste, gritava com Boiadeiro.

- Olha Boiadeiro, é a última vez que repito:
- Platão não é aumentativo de prato..
- Epístola não é a mulher do apóstolo;
- Eucaristia não é o aumento do custo de vida;
- Cristão não é um Cristo grandão;
- Encíclica não é bicicleta de uma roda só;
- Quem tem parte com o diabo não é diabético;
- Quem trabalha na Nasa não é nazista;
- Jesus Cristo morreu na Galiléia e não de gonorréia;
- Annus Domini nada tem a ver com o cú do Papa;
- E meu nome é Confúcio ... Pafúncio é a p... q... pariu....

MINEIRINHO ENRRASCADO...

Um mineirinho, miudinho, todo tímido, embarcou no ônibus de BH para Cataguases.
Seu colega de poltrona era um negão de 1,90 m de altura, com cara de poucos amigos. O negão no maior ronco e o mineirinho todo enjoado com as curvas da estrada.
A certa altura, o mineirinho não agüentou e vomitou todo o jantar no peito do negão,
que não acordou. Chegando em Rio Pomba, o negão acordou e passou a mão no peito todo melecado e gosmento.
Olhou enfurecido pro mineirinho, que imediatamente bateu a mão no seu ombro e perguntou:

- Cê miorô?

DIRETO DO TÚNEL DO TEMPO...


(Samuca-Tico-Gilmar-Neuton-João Garça-Mitonga-Paquecho-Sordinha-Lélinho e Mauricinho Pelicano)

*

Nota: Todos terão seu lugar no céu, Paquecho foi antes para ver como está as coisas lá em cima...

FESTA JUNINA...



"Aproveite junho, único mês em que a "formação de quadrilhas" é admitida em todo o Brasil.
No resto do ano... só em Brasília."

(Colaboração: Sandro Servullo)

A REVOLTA DOS ANIMAIS CONTRA OS HUMANOS...



terça-feira, junho 24

PRACAS DO BRASIU...

JÁ ESTAVAM COM SAUDADES???

Mineirin entra num boteco e vê anunciado acima do balcão:
Pinga ……………………………………………………. R$ 1,00
Cerveja …………………………………………………. R$ 2,50
Pão de queijo …………………………………………. R$ 2,00
Acariciar órgão sexual ………………………………. R$ 5,00
Checando na carteira, para não passar vergonha, ele vai até o balcão e chama uma das três garotas, que estão servindo bebidas nas mesas:
- Ô moça, faiz favor…
- Sim? - responde ela com um sorriso lindo - Em que posso ajudar?
- É ocê que acaricia os órgão sexuar dos freguêis?
- Sou eu mesma… - responde ela, Com voz ‘caliente’ e um olhar bem sensual.
- Então, ocê lava bem as mão, que eu quero um pão de queijo!

PIADINHA SEM GRAÇA DO DIA

Um cara pergunta para um amigo:

- Adivinha o que tem na minha mão?


E o outro arrisca: “Um elefante.”

- Ah! Não vale você viu o rabinho.

*
Essa piada além de sem graça é gay pra c#$&%arai!!!

sexta-feira, junho 20

GRANDE SUJEIRA NA CONVENÇÃO DO PMDB EM ANTONINA

O Bacucu com Farinha, faz uma entrevista com exclusividade com um membro da executiva municipal do PMDB antoninense, a professora Sra. Rosa Maria, a qual concorreria na convenção do partido para se lançar candidata a prefeitura da cidade de Antonina-Pr.

E veja no que deu...


A ENTREVISTA

Bacucu com Farinha: - A senhora poderia nos falar o que houve de errado para o seu nome não concorrer na convenção do PMDB?

Professora Rosa Maria: - Eu havia dito que iria concorrer na convenção, fazem uns 6 meses, pedi a ele que me avisasse a data para que eu pudesse entrar com o requerimento.

BF: - A senhora quando se refere a ele quem?

RM: - O presidente do partido (PMDB), o Josué.

BF: - Certo, continue.

RM: - Aí, na semana passada ele desapareceu, fugiu, no sábado ele me disse que seriam 48 horas antes da convenção para entrar com o requerimento. Certo, protocolei o pedido.

BF: - Até aí tudo bem a convenção seria na terça-feira?

RM: - Para mim estava tudo bem, na segunda a noite ele me ligou dizendo que tinha se inteirado do assunto, e que o prazo seriam 8 dias antes da convenção.

BF: - Nossa, 6 meses a senhora pedindo para ele lhe informar a data certa, aí ele chega na segunda-feira, véspera da convenção e lhe diz isto? A senhora???

RM: - Eu disse os diabos a ele.

BF: - E ele?

RM: - Ele, ele disse: não lhe avisei antes por que a sra. ia sair com o Lauro (Lauro Gouveia) ele me procurou e disse que tinham desistido. Eu disse – como??? Eu nem conheço este Lauro... Que é lauro?

BF: - Mais houve alguma cogitação referente a isto?

RM: - Eu nem conheço este lauro... Quem é Lauro? Nada, eu ia sozinha.

BF: - Mas que manobra do Josué?

RM: - Aí ele disse assim, mas tudo bem dona Rosa a sra. não teria dinheiro para uma candidatura dessa. Eu: Pra 5 mil habitantes precisa de R$ 400 mil? Isso é uma eleição de clube?

BF: - O Josué nesta hora?

RM: - Ele quis morrer, ele esqueceu que veio na minha casa propor que levantássemos uma frente evangélica liderada pelo pastor Natálio para estabelecer uma prefeitura paralela.

BF: - E o Kleber nesta jogada?

RM: - Do Kleber ele disse os diabos.

BF: - A senhora nunca tinha se deparado com uma situação desta?

RM: - Veja bem, eu também não queria concorrer para derrubar o Kleber, não devo nada e nem ele para mim. Só que estamos numa democracia, eu sou eleitora, pago os meus impostos e quero disputar.

BF: - E qual a idéia que a senhora faz hoje do Josué?

RM: - A ele é sujo, eu disse a ele: Nem parece que estamos falando como cristãos, a palavra deve ser “sim” e não “não”.

BF: - E ele?

RM: - Ele disse: Seu marido falou que não apoiariam ninguém.

BF: - E a senhora?

RM: - Meu marido tem um CPF e eu outro, ele não paga as minhas contas, aí ele (Josué) me interrompeu, e disse: mas no casamento de crentes os dois são uma só carne. (risos)
Pode uma pessoa tão cara-de-pau. (risos) – Uma só carne... (risos)
E assim caminha Antonina.

BF: - A senhora está mais aliviada agora?

RM: - Eu fiz a minha parte, quer dizer, sempre faço a minha parte.

BF: - As pessoas que sabiam que a senhora iria concorrer na convenção, ele como presidente do partido, como ele se justifica aos filiados.

RM:- Pois é, ele (Josué) disse para Rosinha Roldon... - Dona Rosa teve a candidatura impugnada.
Porque o sujo me enganou com o prazo.

BF: - A senhora tinha a maioria?

RM: - Tenha certeza que sim, grande número da executiva já havia me dito: se a sra. for vamos dar o troco a ele (Kleber).

BF: - A senhora tinha certeza da vitória na convenção do PMDB?

RM: - Lógico, eles sabiam que se eu fosse para a convenção ganharia do Kleber. Tanto que quase não apareceu ninguém para votar, tiveram que ir buscar e levar de carro, isso fizeram o maior auê, sozinhos não teve quem fiscalizasse, foi uma festa.

BF: - E o Kleber reinou sozinho?

RM: - Deixa ele lá, não tenho nada contra ele, quero que ele fique feliz com a turma dele. A minha treta mesmo é com o Josué.

BF: - Corre aos 4 ventos que o Josué teria conseguido um cargo no Porto, a senhora sabe disto?

RM: - Sei, é por isso que ele faz toda sujeira. Ele é o bicho, junto com o Polaco e o Ademir.

BF: - Opa!!! Estão todos juntos?

RM: - Vão se juntar tudo nesta eleição, coitada de Antonina, mais 8 anos nas mãos da Dona Mônica.
Muitos ficam aborrecidos quando eu falo, mas, é a mais verdadeira das afirmações. Ela vai voltar, se puder. O povo quer vingança e infelizmente foi sempre assim.

BF: - Assim como, a senhora poderia explicar melhor professora?

RM: - Assim, Leopoldino perseguiu Pereirinha... Kleber persegue a turma da Mônica....... Mônica persegue o povo do Kleber, isto é circulo vicioso. E nós assistindo a tudo isto.(risos)

BF: - Professora Sra. Rosa Maria, gostaria de agradecer esta entrevista exclusiva ao Bacucu com Farinha, que muito tem colaborado com a transparência da política Antoninense, gostaria aqui de deixar os meus sinceros agradecimentos e o agradecimento de mais de 20 mil pessoas em todo o Brasil e fora dele, que entram neste blog, a Sra. como uma cidadã respeitada em nossa cidade, acabou de prestar um serviço para democracia. Deixo para que faça as suas considerações finais.

RM: - Eu não iria salvar a pátria, mas estamos em uma democracia e todos podem e devem concorrer e até quebrar a cara, gosto do Canduca, mas acho que ainda não é desta vez. Sou muito grata pelo espaço a mim reservado. Obrigada.

BF: - Nós é que temos que agradecer. Obrigado e uma boa noite.

quinta-feira, junho 19

COISAS DA POLÍTICA - EM 2 TEMPO - hehehehehe

Em terras guarapirocabanas, um certo cobrador de uma instituição de respeito foi cobrar o vereador The Clock Face a mensalidade, o vereador falou para ele que enquanto ele ( o cobrador) for candidato a vereador, ele não pagaria mais a instituição e que ele não tem capacidade nenhuma para ser candidato, portanto se ele continuar com essa de sair candidato, a instituíção fica sem a mensalidade. ( e foi mais estupido ainda com o cobrador).

___________________

Outro vereador guarapirocabano andou espalhalhando na cidade, uma certa quantia de cheque sem fundo, no valor de R$ 40,00, e está dando o que falar para cobrar os cheques. O pessoal que tomaram este tombo, prometem divulgar o nome desta grande VIA em terras brasileiras...

Nota: Daqui para frente, vai ser uma grande festa a política guarapirocaba... tem mais aguardem.

quarta-feira, junho 18

O BICHO VAI PEGAR - PARTE II

É, a coisa não anda nada, mais nadica de nada bom para o lado da Mônica.

Ministério Público solicitou à câmara guarapirocabana, as contas reprovada da ex-prefeita Mônica, para encaminhar ao TRE. A câmara tem prazo de até cinco dias, contando do dia 17/06, para cumprir tal solicitação.

*
Nota: AGORA É COM VOCÊS SENHORES VEREADORES... NÓS ESTAMOS ESPERANDO QUE SE CUMPRA A ORDEM DO TRE-PR.



DEMOROU

Polícia Federal deflagra Operação Guarani no litoral do Estado

Giselle Ulbrich [18/06/2008]

O tráfico de drogas em Paranaguá perdeu forças na manhã de ontem, quando a Polícia Federal (PF) prendeu Paulo César de Araújo, 33 anos, o “Paulinho Paiakã”, apontado como um dos maiores traficantes da região. A Operação Guarani também prendeu outras seis pessoas no litoral, além de apreender um quilo de crack, três balanças de precisão e oito veículos.

Segundo a PF, foram cinco meses de investigação, que iniciaram com denúncias da existência de grandes traficantes de cocaína e crack agindo no litoral do estado. Ontem, as investigações culminaram com o cumprimento de 14 mandados de busca e apreensão e outros 17 de prisão, em Paranaguá, Pontal do Paraná, Antonina e Foz do Iguaçu, todos expedidos pela Justiça em Paranaguá. 54 policiais federais participaram da operação.

“Paulinho Paiakã”, segundo a PF, é comerciante, residente no balneário de Canoas, e é conhecido no meio político de Pontal do Paraná. Pretendia se candidatar a vereador no próximo pleito.

terça-feira, junho 17

DENGUE

TODOS CONTRA A DENGUE NO RIO DE JANEIRO, EU DISSE TODOS MESMO...

Exposição Di Ferra & Tub(e)

De 27 de maio a 13 de julho na Sala do Artista Popular, das 18 h às 21 h, na rua Saldanha Marinho, s/nº em Curitiba-PR.

Jubel Soares de Freitas (Tube) nasceu em 1937, em Antonina-PR. Em 1992 sua obra foi "Prêmio Sala Especial" no 2° Salão do Mar em Antonina.

Artista autodidata, bastante recluso no seu habitat, há muitos anos produz artes e exercita ofícios. Expõe onde mora; vende, doa para amigos. Participa quando é "convidado e quer ou pode". Tem obras "espalhadas" em casas de Antonina e do Brasil.

Explora vários temas do ambiente em que vive. Com mais de setenta anos e dono de uma figura marcante, já foi tema de pesquisa em 1983, sobre personagem/personalidade folclórica destacada, em Antonina, talvez devido aos ofícios e a sua presença física onde olhos impressionantemente azuis destacam-se na pele cor de nanquim preto. Tem o que contar pos "já viveu e viu de tudo". O azul é presente e marcante em sua técnica primitiva onde aves, cascatas, céus, navios, peixes, serras, pedras dançam e escapam das perspectivas e planos até vazarem pelas "molduras" improvisadas. Já foi convidado para a Sala Miguel Bakun. Também faz arte tridimensional.

Recortes de sua obra, ilustram embalagens da marca "O Boticário".

Em novembro de 2007, realizou uma exposição individual no Museu da Estação Ferroviária, em Antonina.

Autora: Liz Szczepanski

ANTONINA - ONTEM, HOJE E SEMPRE...



NOTÍCIAS ESTRANHAS...

Motorista do DF é 'flagrado' a 880 km/h no Rio de Janeiro

Multa foi aplicada em Niterói; ele recorreu, mas seu pedido foi indeferido.
Para o Denatran, ele terá de pagar a multa para recorrer e ter o valor devolvido.

O engenheiro de alimentos Rafael de Andrade não consegue regularizar o IPVA deste ano de seu carro porque deve R$ 127,69 ao Detran do Rio de Janeiro por uma multa que se recusa a pagar. O órgão carioca o acusa de passar a uma velocidade de 880 km/h por um radar eletrônico em Niterói (RJ), em uma via cuja velocidade máxima era 60 km/h.

Rafael entrou com recurso no Detran de Niterói. Achou que a multa ia ser desconsiderada, mas ela foi mantida. Para o Detran de Brasília, o documento do carro só sai se ele pagar a dívida. “Eu me recuso a pagar a multa”, indigna-se o engenheiro. “Estou sem documento aqui no DF e, se for parado, quero saber o que eu vou falar para o guarda”, reclama.

_______________
*Nota: A Ferrari já está em contato com ele, para uma possível contratação, afinal este cara é um cowboy, ninja, samurai do asfalto. Rapazinho bruto!

FISCALIZAÇÃO

PESSOAL É MUITO IMPORTANTE LEIA COM ATENÇÃO

O DINHEIRO PÚBLICO É SEU... ENTÃO FIQUE DE OLHE NELE

Sinais exteriores de riqueza
Sinais exteriores de riqueza são as evidências mais fáceis de serem percebidas e as que deixam mais claro que algo de errado ocorre na administração pública. São perceptíveis quando o grupo de amigos e parentes das autoridades municipais exibe bens caros, adquiridos de uma hora para a outra, como carros e imóveis. E também na ostentação por meio de gastos pessoais incompatíveis com suas rendas. Alguns passam a ter uma vida social intensa, freqüentando locais de lazer que antes não freqüentavam, como bares e restaurantes, onde realizam grandes despesas.
Os corruptos assumem feições diversas. Há o do tipo grosseiro e despudorado, que se compraz em fazer demonstrações ostensivas de poder e riqueza, exibindo publicamente acesso a recursos extravagantes. Geralmente, não se preocupa em ser discreto, pois necessita alardear o seu sucesso econômico e sua nova condição, mesmo quando os que estão à sua volta possam perceber que o dinheiro exibido não tem procedência legítima. Com esse tipo de corrupto, a apropriação de recursos públicos é associada a um desejo incontrolável de ascender socialmente e de exibir essa ascensão. Como não encontra maneiras de enriquecer honestamente, recorre a atos ilícitos.
Já o fraudador discreto tem formas de agir que tornam mais difícil a descoberta do ilícito. O dinheiro é subtraído aos poucos e em quantias pequenas, por meio de esquemas bem articulados com os fornecedores. O resultado dos golpes é aplicado longe do domicílio. Em geral, utilizando-se de “laranjas” (pessoas que, voluntária ou involuntariamente, emprestam suas identidades para encobrir os autores das fraudes), adquirem bens móveis ou semoventes: dólar, ouro, papéis do mercado de capitais, gado, commodities etc.
Entretanto, mesmo quando a corrupção é bem planejada, deixa vestígios.
Às vezes, os que se sentem traídos na partilha acabam por denunciar o esquema. Além disso, a necessidade de manter os atos ilegais ocultos torna difícil para o próprio corrupto, e até mesmo para os seus familiares, usufruírem da riqueza. Quando essa situação não gera um conflito entre os participantes da quadrilha, os comparsas acabam por ficar com a maior parte dos bens adquiridos.
Independente dos tipos de corrupção praticados, os cidadãos que desejem um governo eficiente e transparente devem ficar atentos aos seus sinais. Um administrador sério e bem intencionado escolhe como assessores pessoas representativas e que tenham boa reputação e capacidade administrativa. Deve-se desconfiar de grupos fechados que gravitam em torno do poder. A nomeação de parentes de autoridades (prefeito, secretários, vereadores etc.) é também indício de corrupção.

Resistência das autoridades a prestar contas

Corruptos opõem-se veementemente a qualquer forma de transparência. Evitam que a Câmara Municipal fiscalize os gastos da prefeitura e buscam comprometer os vereadores com esquemas fraudulentos. Ao mesmo tempo, não admitem que dados contábeis e outras informações da administração pública sejam entregues a organizações independentes e aos cidadãos, nem que estes tenham acesso ao que se passa no Executivo.
A Lei de Responsabilidade Fiscal impõe um princípio altamente salutar ao equilíbrio financeiro das prefeituras: não se pode gastar mais do que se arrecada. Também por defender a transparência absoluta das contas públicas, essa lei se tornou um entrave à corrupção. Mesmo assim, em governos em que se praticam atos ilegais na administração, existe uma grande resistência à liberação de informações sobre os gastos públicos.
Qualquer cidadão tem o direito de saber, e os políticos têm o dever de demonstrar, como o dinheiro público está sendo empregado. Para que isso se transforme em prática usual, é necessário que os municípios brasileiros aperfeiçoem suas leis orgânicas, para tornar mais transparentes as ações das administrações municipais. As organizações instituídas na cidade têm um papel fundamental nisso, pois, quando bem estruturadas e com enraizamento na sociedade, têm a capacidade de mobilizar as pessoas.
(Fonte: www.transparencia.org.br )

PIADEX PARA ALEGRAR O DIA...

Estava o baixinho na rua sentado triste, quando chega um negão 3 por 4, pega ele pelo braço e estupra o coitado. Depois do ato, o baixinho choramingando disse pro negão:
- Pô, cara! Olha o que você fez comigo, estourou todo meu rabo, como eu vou ficar perante os meus colegas?
O negão ficou com dó do baixinho e disse:
- Me desculpe. Já sei. Quando voce me ver na rua pode falar que foi você quem me comeu.
- Jura?
- Pode sim!
Depois de algum tempo o baixinho estava com um colega na rua e do outro lado da rua avistou o negão e disse:
- Aí Paulo! Tá vendo aquele negão lá do outro lado da rua??
- To sim.
- Eu já comi ele!
Paulo responde:
- Eu também!

AS FRASES QUE GOSTARÍAMOS DE VER NAS PLACAS DAS IGREJAS...


QUEM QUER SER MEU VICE... QUEM QUER SER???

VIDA DE VICE-PREFEITO ATUAL...



*
...esperamos que os próximos vice mostrem para que vieram.

POLÍTICA GUARAPIROCABANA

segunda-feira, junho 16

COISAS QUE NÃO ENTENDO...


Vocês também já devem ter se perguntado sobre isso...
É sempre o coitado do coyote que se ferra na historia, nunca vi um desenho que esse infeliz consegue pegar aquele papa-léguas, se é que existe!

Por que diabos o coyote gasta um dinheirão em tranqueiras que nunca funcionam para tentar pegar a porra do papa-léguas?

Não seria bem mais fácil e barato ele ir a um restaurante e comer um franguinho assado?

PIADEX

REGRAS DO CASAMENTO

Um casal recém casado vai viver em sua nova Casa. O homem diz:
-Se quer viver comigo, as regras são:

1) Segundas e terças-feiras à noite vou tomar café com OS amigos;
2) Quartas-feiras à noite cinema com o pessoal;
3) Quintas, sextas à noite, cerveja com OS colegas;
4)Sábados, pescaria com a turma, retornando Domingo pela manhã;
5) E, aos domingos, deito cedo para descansar.
Se quer... Quer... Se não quer... Azar!

Então a mulher responde:

-Pra mim só existe uma regra:
Aqui em Casa tem sexo todas as noites.
Quem está, está. Quem não está...F#%*!se...

ENQUANTO ISSO NUM REINO NÃO TÃO DISTANTE...

A POLÍTICA GUARAPIROCABANA - PARTE LXCIIVVIX - O RETORNO





domingo, junho 15

JORNALISMO SÉRIO É ISTO...

Todos devem ter visto a imagem que correu por toda internet no mundo todo, a imagem é esta logo abaixo, pois trata-se de uma montagem, mas o "Bacucu com Farinha" coloca tudo agora em pratos limpos... hehehe

A MONTAGEM





AGORA VEJA A FOTO ORIGINAL



A verdade dos fatos só aqui no "Bacucu com Farinha"

VAI TOMA NO C... SEU POLITICOZINHO DE MERDA

O vídeo mostra a história de um pai de 59 anos que, para realizar o sonho do filho deficiente físico, decide participar no "Iron Man". Para quem não conhece, o "Iron Man" é uma prova de resistência física que consiste em 3,8 km de natação, 180 km de bicicleta e 42 km de corrida. Para realizar o sonho do filho, o pai resolveu participar e conseguiu terminar a prova...

Mas com um pequeno detalhe:

ELE CARREGOU O FILHO DURANTE TODO O PERCURSO!!

sexta-feira, junho 13

QUEM SER???

UM ÓTIMO FINAL DE SEMANA PARA TODOS...



DESCUBRA QUEM É???

__________________

O GÊNIO DA VIDRAÇA!!!

O Genio

Um casal estava jogando golfe num campo muito chique, rodeado por belíssimas mansões. Na terceira tacada o marido diz:
- Querida, tome cuidado ao acertar a bola não vá mandá-la uma dessas casas e quebrar uma vidraça. Vai custar uma fortuna para consertar.
Mal termina a frase, ela dá a tacada e estilhaça uma vidraça.. O marido se desespera:
- Eu disse para tomar cuidado!
- E agora, como vai ser?
- Vamos até lá pedir desculpas e ver quanto vai ser o prejuízo.
Eles batem à porta e ouvem uma voz:
- Podem entrar.
Eles abrem a porta e vêem vidro espalhado pelo chão e uma garrafa quebrada perto da lareira. Um homem sentado no sofá diz:
- Vocês são os que quebraram a minha janela?
- Sim. Sentimos muito e queremos pagar o prejuízo, responde o marido.
- De jeito nenhum. Eu é que quero agradecer-lhes. Sou um gênio que estava preso nesta garrafa há milhares de anos. Vocês me libertaram.
Posso conceder três desejos. Eu dou um desejo a cada um e guardo o terceiro para mim.
- Que legal ! diz o marido.
- Quero um milhão de dólares por ano,pelo resto de minha vida.
- Sem problema. É o mínimo que eu posso fazer.
- E você, o que gostaria de pedir? diz o gênio olhando para a esposa.
- Quero uma casa em cada país do mundo, ela responde.
- Pode considerar seu desejo realizado, diz o gênio.
- E qual é seu desejo, gênio? o marido pergunta.
- Bem, desde que fiquei preso nesta garrafa há milhares de anos não tive mais a oportunidade defazer sexo. Meu desejo é ter sexo com sua mulher.
O marido olha para sua esposa e diz:
- Bem, querida, nós ganhamos um monte de dinheiro e todas essas casas....
Acho que ele não está pedindo muito.
O gênio leva a mulher para o quarto e passa duas horas com ela.
Depois de terminar, ao se vestirem, o gênio olha para ela e pergunta:
- Quantos anos tem seu marido? - 35. - E você? - 29.
- Puta Que Pariu ! E vocês ainda acreditam em gênio?

Crônicas da Cidade nº 48

Por Nerval Pires da Silva


O progresso de uma cidade está intrinsecamente ligado à conduta dos seus cidadãos. A eles tudo se relaciona e inter-relacionam. Colbert já dizia mais ou menos assim, que "a grandeza de um município não depende necessariamente do tamanho de seu território, mas sim do caráter do seu povo." Entenderam? Na ausência desse atributo, fatalmente ocorre aquilo que mais temíamos – o trágico – que é o retrocesso global no seu desenvolvimento, quer no campo social, político, administrativo, cultural ou econômico.

Porém, só as pouquíssimas mentes mais arejadas é que percebem a falência deste povo em toda a sua plenitude, que trouxe como corolário a desordem administrativa; na proliferação da marginalidade; da prostituição infantil e da adolescência, e o que é pior – da propagação das drogas em ritmo preocupante e amedrontador! O emporcalhamento de suas praças, ruas e avenidas; a perda da auto-estima, este – componente imprescindível no caráter de todos nós. A falta de trabalho, de perspectiva de futuro para eles e para esses pobres jovens que estão aí a se trombar pelas ruas sem ter onde trabalhar – e com o agravante – a falta de discernimento do que é bom e o que é ruim tanto para eles como para a cidade em que vivem – atrelados que estão ao desuso à prática da cidadania, esta, obrigação precípua de um cidadão cônscio de sua responsabilidade. Como conseqüência, tivemos que engolir o desabafo desse médico oculista da capital a uma jovem cliente antoninense, e outros e outros tantos que já se manifestaram também sobre esse assunto, em linguagem embora mais amena, mas dotada de uma precisão impressionante. Esta é, pois, a visão panorâmica de uma Antonina vista de norte a sul do estado, de uma cidade sem governo e de um povo decadente, conivente com a degenerescência que aqui se propaga, que aceita como se fosse tudo absolutamente normal. Admite-se errar, mas persistir no mesmo erro é sinônimo de burrice, e esse povo tem dado ao longo desses anos essa demonstração de tendência. Um povo que se encontra nesse estado psicológico, não deveria votar, por que se votar, fatalmente vai cometer mais outro desatino contra a cidade, e contra aqueles que nada tem a haver com este seu estado de falta de lucidez. Deveriam sim, nesse estado de comportamento psicológico que se encontram, ficar longe das urnas e deixar somente àqueles de visão mais lúcida, fazê-lo por eles, até a completa regeneração do seu estado normal, e estes, de aproveitar e votar num projeto de transformar tudo isso que está ai – inclusive, de gestionar incontinente, um plano para mudar esse povo e eleger outro. Olha que eu já vi povinho ruim de discernimento, mas como esse eu estou pra ver. Senão vejamos: povo que quer ressuscitar as múmias do passado para se vingar do presente, é povo que não merece respeito. Enquanto isso a cachorrada vadia coabitam às ruas da cidade a promover a maior algazarra e sujeira, copulando na frente de todos em período de cio, mostrando um quadro deprimente, estarrecedor, nojento até – e eles a contemplar na maior placidez, e se alguém por ventura faz qualquer coisa para coibir isso, seus pseudo-donos ou os condoídos transeuntes, saltam ferozes contra estes, como se aqueles animais fossem mais importante que o ser humano. Chegou-se a uma inversão de valores que beira as raias da insanidade. Ai, que saudades do meu pai e dos antoninenses do passado, de uma sociedade tão bem centrada que era, quanto à classe sindical dos anos 60/70. É por essa e outras razões que o sindicalismo está desaparecendo a olhos visto dado a flagrante inércia de alguns dos seus líderes e/ou liderados, que fazem vistas grossas à ação de desmonte perpetrada pelos nossos algozes no seu único meio de subsistência que é o porto, e completamente apáticos, assistem lhes roubarem a sua única condição de trabalho como se fosse tudo normal tal como a invernada que segue passivamente ao matadouro. Toda hora fico a me perguntar: que povo é esse que deixa a sua cidade chegar a esse extremo, sem demonstrar nenhuma reação si quer? Será que povo assim ainda merece viver?

E, enquanto a maioria desse povo continua na sua obstinada insanidade, praticando a maior porquice com a mais importante arma que a democracia lhe deu – o voto, usando-o como moeda de troca de favores de momento, de interesses escusos e até para saciar vinganças pessoais, a nossa rica querida e sofrida Antonina e parte da sociedade que não tem nada a ver com essa sujeirada, padece mais quatro anos, regride e empobrece, em quanto as nossas cidades vizinhas ao contrário, crescem e se fortalecem; passam a nossa frente e tiram com toda a razão do mundo o maior sarro deste povo indolente e sem brio que é o nosso.

Se querem ressuscitar as múmias do passado, tudo bem, três de outubro está aí bem próximo, ressuscitem, abram os sarcófagos! – vocês são maioria mesmo, vocês mesmo se merecem...

Nerval é escritor e comentarista.

E-mail: nervalpiresdasilva@hotmail.com

CELULAR FILHO DA PUTA..

Entrevistado é surpreendido com toque de celular inoportuno durante o jornal "Bom Dia Paraíba".

NESTA BRIGA... NÃO TEM CU QUE AGUENTE...




___________________
A mulher recebe o amante em casa enquanto o marido trabalha. Seu filho de nove anos chega da escola mais cedo, vê os dois juntos e se esconde no armário do quarto para espiar.
O marido também volta para casa inesperadamente e a mulher resolve esconder o amante no armário, sem perceber que o filho já estava lá.
O menininho diz:
- Ta escuro aqui...
O amante responde - É... Ta mesmo...
Menino: -Eu tenho uma bola de beisebol.
Amante: Legal...
Menino: - Quer comprar?
Amante: -Não, obrigado...
Menino: - Meu pai está lá fora.
Amante: -Ok, quanto?
Menino: - Duzentos reais...
Algumas semanas depois, lá estão o garoto e o amante presos no armário
novamente.
Menino - Tá escuro aqui.
Amante: - É... Tá mesmo...
Menino: -Eu tenho uma luva de beisebol.
O amante, se lembrando da última vez, pergunta ao garoto: -Quanto é?
O menino: setecentos reais.
Amante: Feito!
Dias depois, o pai diz ao garoto:
- Pegue a sua luva e a sua bola de Beisebol, vamos lá no quintal para eu te ensinar como se joga.
O menino responde:
- Não posso, vendi a luva e a bola...
O pai pergunta:
- Por quanto você vendeu?
- Novecentos reais, responde o menino.
O pai, horrorizado, diz ao menino que isso não se faz, cobrar tanto de seus amiguinhos por coisas que custam barato. E leva o filho à igreja para que confesse para o padre.
Chegando lá, o pai leva o menino ao confessionário e fecha a porta.
O menino diz: - Tá escuro aqui...

O padre responde - Nem vem! Eu não vou comprar mais porra nenhuma!

MAS QUE DIABOS É ISSO???


GARÇON GA...

...ÚCHOOOOOOOOOO

QUE TEM CARA DE ARGENTINOS TEM, TCHÊ...


quinta-feira, junho 12

DIAS DOS NAMORADOS

(Monkey News)

O "Bacucu com Farinha" dá a sua sugestão, taí, dois presentões para a sua namorado...
Dá esse CD pra namorada pra você ver. A namorada vai gritar: "Tá demitido!" na hora! O Justus tá com cara de jacaré tomando sol no Pantanal! Tá tão esticado que nem pisca!



E esse presente acaba com o namoro em 12 vezes sem juros.


É, NÃO SE JULGAM CRIMES COMO ANTIGAMENTE...

(Colaboração: Mauricio Scarante)

Sentença judicial datada de 1833Província de Sergipe

Veja como era a Lei ‘nos antigamente’ aqui no Brasil SENTENÇA JUDICIAL EM 1833 ‘Ipsis litteris, ipsis verbis’ - TRATA-SE DE LÍNGUA PORTUGUESA ARCAICA - PROVÍNCIA DE SERGIPE O adjunto de promotor público, representando contra o cabra Manoel Duda, porque no dia 11 do mês de Nossa Senhora Sant’Ana quando a mulher do Xico Bento ia para a fonte, já perto dela, o supracitado cabra que estava de em uma moita de mato, sahiu della de supetão e fez proposta a dita mulher, por quem queria para coisa que não se pode trazer a lume, e como ella se recuzasse, o dito cabra abrafolou-se dela, deitou-a no chão, deixando as encomendas della de fora e ao Deus dará. Elle não conseguiu matrimonio porque ella gritou e veio em amparo della Nocreto Correia e Norberto Barbosa, que prenderam o cujo em flagrante. Dizem as leises que duas testemunhas que assistam a qualquer naufrágio do sucesso faz prova. CONSIDERO: QUE o cabra Manoel Duda agrediu a mulher de Xico Bento para conxambrar com ela e fazer chumbregâncias, coisas que só marido della competia conxambrar, porque casados pelo regime da Santa Igreja Cathólica Romana; QUE o cabra Manoel Duda é um suplicante deboxado que nunca soube respeitar as famílias de suas vizinhas, tanto que quiz também fazer conxambranas com a Quitéria e Clarinha, moças donzellas; QUE Manoel Duda é um sujeito perigoso e que não tiver uma cousa que atenue a perigança dele, amanhan está metendo medo até nos homens. CONDENO: O cabra Manoel Duda, pelo malifício que fez à mulher do Xico Bento, a ser CAPADO , capadura que deverá ser feita a MACETE. A execução desta peça deverá ser feita na cadeia desta Villa. Nomeio carrasco o carcereiro. Cumpra-se e apregue-se editais nos lugares públicos. Manoel Fernandes dos Santos Juiz de Direito da Vila de Porto da Folha Sergipe, 15 de Outubro de1833.
Fonte: Instituto Histórico de Alagoas

quarta-feira, junho 11

AMIGO DO ALÉM...

Cada coisa, eu hem...

JOAQUIM ALCOBAS... OU SIMPLESMENTE "JOCA"

(Fonte: www.cartunistasolda.blogspot.com)
Colaboração: Alberto Viana

Não estou gabaritado para historiar a gastronomia do litoral paranaense desde os tempos em que o naturalista francês Saint-Hilaire comia pirão com garfo e faca numa tapera de Guaratuba. Sei apenas que vamos sentir saudades do Joca, o cozinheiro de Antonina.

Joaquim Carlos Alcobas faleceu no último domingo. Paulistano, Joca veio em 1975 visitar uma irmã em Antonina e gostou do que viu. Cerrou as portas de aço de sua fábrica de roupas na Avenida Paulista, acomodou algumas receitas na bagagem e veio abrir as portas de madeira de um restaurante que fez evoluir o cardápio do litoral paranaense.Incrustada num cenário de paredes centenárias, aquela casa estreita seria o que temos de mais parecido com um bistrô francês.

Na parede com a textura do tempo, junto às fotografias de fregueses e amigos, não foge dos olhos uma crônica emoldurada do publicitário Elói Zanetti, que descreveu melhor do que ninguém aquela generosa caçarola.“Estou no restaurante do Joaquim Carlos Alcobas, o Joca, ou melhor, na Caçarola do Joca, em Antonina. Olho para os lados e vejo fotos, quadros, pinturas, bonecas, estátuas de Buda, de galos portugueses, peixes em cerâmicas, gaiolas etc. Tudo espalhado, pendurado pelas paredes ou em cima dos móveis na mais arrumada desarrumação.

Percebo que há ordem e harmonia neste caos, nesta bagunça criada através dos tempos por seu proprietário. E isto me dá um prazer estético, gosto do lugar, me sinto bem, me é familiar.”Foi um privilégio ter compartilhado da mesma mesa com o Joca. E tínhamos esse prazer sempre que éramos recebidos pelo próprio, naquela porta escancarada para o trapiche de Antonina. Joca nos indicava o posto mais próximo da cozinha e deixamos para ele indicar ainda o que nos seria servido à mesa. O cardápio era dispensável: Joca sabia do peixe mais fresco, das ostras mais gradas e daquela cachaça escondida na adega para os amigos que tinham a honra de um retrato na parede.

Não que fôssemos clientes preferenciais. Para melhor explicar, a crônica emoldurada de Elói Zanetti diz tudo:“O Joca é um personagem quixotesco, alto, magro, com um cavanhaque ao estilo. Simpático por natureza, já está sendo citado por professores de administração como “aquele que sabe fazer o bom marketing de relacionamento”. E, tal qual o Homem de La Mancha, é um resistente na sua eterna busca. Um catador de histórias.”Quando se diz que a Caçarola do Joca fez evoluir o cardápio do nosso litoral, não é nenhum exagero “in memoriam”.

Talvez naquele ano em que Joaquim Carlos Alcobas partiu de São Paulo, ao lado do artista plástico Rones Dunke, passei uma semana em Antonina pintando paisagens, óleo sobre tela. Com pouco dinheiro, muito pouco, nos hospedamos numa modesta pensão e, com uma carta de recomendação do escritor Valêncio Xavier, fazíamos nossas refeições no restaurante da Tia Rosinha, que hoje já não existe mais. Valêncio era muito querido de Tia Rosinha. Ela nos servia o almoço e jantar a preço de “artistas necessitados”, o prato típico da época: salada, arroz, feijão, camarão ensopado e filé de pescado à milanesa.

Entre uma refeição e outra, eu pintava duas toscas paisagens por dia. Rones Dunke uma, o suficiente para encantar os capelenses com o seu admirável talento. Certo dia, passamos a nos deliciar também com os bolinhos de camarão da Tia Rosinha, porque as nossas finanças melhoraram de um dia para o outro.“O senhor é pintor”, me perguntou um pescador. “Sim”, eu respondi. “Então será que o senhor poderia pintar uma canoa pra mim?”.

Quando me pus a esboçar uma canoa na tela, o pescador me fez parar: “O senhor não entendeu: eu queria que o senhor pintasse a minha própria canoa, aquela que está amarrada ali no trapiche”. Combinamos o preço e eu acabei pintando não uma, duas canoas. Só não lembro mais das cores das canoas. Lembro que, depois das receitas da (Caçarola do Joca, o restaurante da Tia Rosinha ganhou novas cores e ficou melhor ainda.
Dante Mendonça (11/6/08) O Estado do Paraná.

TAÍ A OPORTUNIDADE DE APRENDER

Brasília, 11 de Junho de 2008

I Seminário GESPÚBLICA no Paraná

Será realizado no dia 19 de setembro, em Curitiba, o I Seminário GESPÚBLICA no Paraná, evento que pretende divulgar as ações que têm sido implementadas no estado e no Brasil pelo Programa Nacional de Gestão Pública e Desburocratização – GESPÚBLICA, do Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão.

Organizado pelo Comitê Gestor Estadual, o evento terá a participação de representantes de empresas e órgãos públicos e será realizado das 13h30 às 18h no Auditório da COPEL, localizado na Rua Coronel Dulcídio, 800, em Curitiba.

As inscrições para o evento podem ser pelo site
http://www.crea-pr.org.br/


O GESPÚBLICA visa contribuir para a melhoria da qualidade dos serviços públicos prestados aos cidadãos e para o aumento da competitividade do país. A experiência tem demonstrado que organizações públicas que participam do GESPÚBLICA ganharam eficiência, aumentando o envolvimento de seus servidores e a satisfação de seus usuários, demonstrando valor público para a sociedade.

Participam do Comitê Gestor Estadual no Paraná a Companhia Paranaense de Energia - COPEL, o Conselho Regional de Engenharia, Arquitetura e Agronomia do Estado do Paraná – CREA-PR, a Empresa Brasileira de Correios e Telégrafos, a Defensoria Pública da União – DPU, Delegacia Regional do Trabalho – DRT, a Empresa de Tecnologia e Informações da Previdência Social - DATAPREV, a Petrobrás – REPAR, a Secretaria de Estado de Planejamento e Coordenação Geral, o Tribunal Regional do Trabalho – TRT e a Universidade Tecnológica Federal do Paraná - UTFPR.

Agradecemos a atenção e reforçamos a importância de sua participação no evento, como forma de disseminar as ações promovidas pelo GESPÚBLICA e incentivar novas entidades a aderirem ao programa.
Fonte: Comitê Gestor Estadual do GESPÚBLICA - Paraná

________________
NOTA.: O que a população antoninense espera, é que os nossos pré-candidatos se inscrevam para este seminário e concluam a carga horária proposta, tenho certeza que ajudará em muito a desenvolverem um plano de governo que venha de encontro com a necessidade coletiva. Entrarei em contato com os docentes deste seminário, para que me forneçam a lista dos inscritos, farei questão de colocá-la no blog... e com isso, veremos o comprometimento dos nossos pré-candidatos.

terça-feira, junho 10

POLÍTICA EM UM REINO NÃO TÃO DISTANTE




ENQUANTO ISTO, NUM BANHEIRO GUARAPIROCABANO...

Frases de banheiros...


LEIS QUE REGEM O UNIVERSO

LEI DA PROCURA INDIRETA:

1. O modo mais rápido de se encontrar uma coisa é procurar outra.2. Você sempre encontra aquilo que não está procurando.

LEI DA TELEFONIA:

1. Quando te ligam: se você tem caneta, não tem papel. Se tiver papel, não tem caneta. Se tiver ambos, ninguém liga.
2. Quando você liga para números errados de telefone, eles nunca estão ocupados.Parágrafo único: Todo corpo mergulhado numa banheira ou debaixo do chuveiro faz tocar o telefone.

LEI DAS UNIDADES DE MEDIDA:

Se estiver escrito ‘Tamanho Único’, é porque não serve em ninguém, muito menos em você.

LEI DA GRAVIDADE:

Se você consegue manter a cabeça enquanto à sua volta todos estão perdendo, provavelmente você não está entendendo a gravidade da situação.

LEI DOS CURSOS, PROVAS E AFINS:

80% da prova final será baseada na única aula a que você não compareceu, baseada no único livro que você não leu.

LEI DA QUEDA LIVRE:

1. Qualquer esforço para se agarrar um objeto em queda, provoca mais destruição do que se o deixássemos cair naturalmente.
2. A probabilidade de o pão cair com o lado da manteiga virado para baixo é proporcional ao valor do carpete.

LEI DAS FILAS E DOS ENGARRAFAMENTOS:

A fila do lado sempre anda mais rápido.Parágrafo único: Não adianta mudar de fila. A outra é sempre mais rápida.

LEI DA RELATIVIDADE DOCUMENTADA:

Nada é tão fácil quanto parece, nem tão difícil quanto a explicação do manual.

LEI DO ESPARADRAPO:

Existem dois tipos de esparadrapo: o que não gruda e o que não sai.

LEI DA VIDA:

1. Uma pessoa saudável é aquela que não foi suficientemente examinada.
2. Tudo que é bom na vida é ilegal, imoral ou engorda.

LEI DA ATRAÇÃO DE PARTÍCULAS:

Toda partícula que voa sempre encontra um olho aberto.

PROTÓTIPO DE AVIÃO EXPERIMENTAL DE COMBUSTÍVEL ECOLÓGICAMENTE CORRETO

Como construir o meu próprio avião???
Clik na imagem

segunda-feira, junho 9

CUIDADO, FUMANTES!!!

Muito legal essa foto pintada no teto de uma área de fumantes de uma empresa...


PARE DE SOFRER...

* Venha com $$$ FÉ $$$, mas com muita $$$$$$$$$ FÉ $$$$$$$$$$$$. Será que o Pai Larápio tira prefeito???

SUGESTÃO


Foto enviada por um Bacunauta, ele está achando que esta empresa pertence ao Alcaide guarapirocabano... hehehe - Faz sentido...

DIÁRIO

Diário dela

No domingo à noite ele estava estranho. Saímos e fomos até um bar para tomar uma cerveja. A conversa não estava muito animada, de maneira que pensei em irmos a um lugar mais íntimo. Fomos a um restaurante e ele ainda agindo de modo estranho. Perguntei o que era, e ele disse que nada, que não era eu.Mas não fiquei muito convencida. No caminho para casa, no carro, disse-lhe que o amava muito e de toda sua importância. Ele limitou-se a passar o braço por cima dos meus ombros. Finalmente chegamos em casa e eu já estava pensando se ele iria me deixar! Por isso tentei fazê-lo falar, mas sem me dar muita bola ligou a televisão, e sentou-se com um olhar distante que parecia estar me dizendo que estava tudo acabado entre nós. Por fim, embora relutante, disse que ia me deitar. Mais ou menos 10 minutos ele veio se deitar também e, para minha surpresa, correspondeu aos meus avanços. Fizemos amor. Mas depois ele ainda parecia muito distraído e adormeceu. Comecei a chorar, chorar, chorar e chorei até adormecer. Já não sei o que fazer. Tenho quase certeza que ele tem alguém e que a minha vida é um autêntico desastre.

Diário dele:

O meu time perdeu. Fiquei chateado a noite toda. Pelo menos dei umazinha.Mas ainda to chateado...
Hô timizim de merda sô!!!


(Colaboração: Sandro Servullo)

ENQUANTO ISSO, NO INCOR...

(VERÍDICO E EXCELENTE!)

- Bom dia, é da recepção? Eu gostaria de falar com alguém que me desse informações sobre um paciente. Queria saber se certa pessoa está melhor ou piorou...
- Qual e o nome do paciente?- Chama-se Celso e está no quarto 302.
- Um momentinho, vou transferir a ligação para o setor de enfermagem...
- Bom dia, sou a enfermeira Lourdes. O que deseja?
- Gostaria de saber as condições clínicas do paciente Celso do quarto 302, por favor!
- Um minuto, vou localizar o médico de plantão.
- Aqui é o Dr. Carlos plantonista. Em que posso ajudar?
- Olá, doutor. Precisaria que alguém me informasse sobre a saúde do Celso que está internado há três semanas no quarto 302.
- Ok, meu senhor, vou consultar o prontuário do paciente... Uminstante só! Hummm! Aqui está: ele se alimentou bem hoje, a pressão arterial e pulso estão estáveis, responde bem à medicação prescrita e vai ser retirado do monitor cardíaco até amanhã. Continuando bem, o médico responsável assinará alta em três dias.
- Ahhhh, Graças a Deus! São notícias maravilhosas! Que alegria!
- Pelo seu entusiasmo, deve ser alguém muito próximo, certamente da família!?
- Não, sou o próprio Celso telefonando aqui do 302! É que todo mundo entra e sai desta merda deste quarto e ninguém me diz porra nenhuma. Eu só queria saber como estou.....
(Colaboração: Sandro Servullo)

MORREU MESTRE JOCA

(Fonte: blog do Fabio Campana)

Domingo, 8 de Junho de 2008 – 20:58 hs
Morreu hoje Joaquim Carlos Alcobaça, o Joca. Mestre de amizade e responsável pela melhor cozinha litorânea desta área do planeta. Joca dava demonstrações de seu talento no restaurante Caçarola do Joca, em Antonina.Joca nasceu em São Paulo. Veio a Antonina para cobrar uma conta. Não cobrou, como era de se esperar. Ficou. Apaixonou-se pela mulher Jurema, depois pela cidade e em pouco tempo tornou-se tão antoninense quanto a mania de dar apelidos e o barreado que ele fazia à perfeição. O corpo será cremado hoje, às 11:00 hs, no crematório Vaticano em Campina Grande do Sul.

sexta-feira, junho 6

POLÍTICA EM UM REINO NÃO TÃO DISTANTE

Para melhor visualização
Clik na imagem
*Vai que o povo guarapirocabano lhe espera...

POLÍTICA GUARAPIROCABANA


SAIU NO JORNAL ... TÁ LÁ

Entreas mulheres nenhuma surpresa, Juliana Paes desfila todos os anos entre as mulheres mais sexy do mundo...



A surpresa mesmo veio na ala masculina, este ano para o delírio de todas, entre os 10 mais sexy do mundo, olha quem foi um dos escolhidos, saiu no jornal... tá lá

Sim, exatamente o editor do "Bacucu com Farinha", eu, para os que não me conhecem prazer, Neuton Pires.

Dizem os apuradores, que o voto decesivo foi efetuado pelo meu amigo, o Alcaide guarapirocabano... ao meu favor é lógico.

hehehe


Brincadeirinha, este é mais um programa de teste do "Bacucu com Farinha" para ilustrações das postagens.

PASSEATA GUARAPIROCABANA

As lideranças políticas da oposição em terras guarapirocabanas, perderam a maior oportunidade de colocar o bloco na rua e ganhar pontos junto a população desanimada com a política local... isto tudo, o que nos faz pensar, é que prevalece o amadorismo por parte de alguns articuladores políticos, é uma pena.

Mas com "Bacucu com Farinha" não tem tempo ruim, aí vai a passeata... hehehe


quinta-feira, junho 5

O PUM DA NAMORADINHA

O jovem rapazinho convida sua namoradinha para ir ao cinema em seu carro, ao colocar o cinto, ela deixa escapar um sonoro pum:

- Ai que vergonha - diz ela constrangida - espero que isso fique só entre nós dois.

E ele, abrindo o vidro, responde:

- Se você não se importa, eu prefiro que se espalhe um pouco...

PUNZINHO NA TV

NOSSA, ESTE FEDEU ATÉ AQUI...

SANDUÍCHE-ICHE

ECOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOO

FLUMINENSE VENCE E ESTÁ NA FINAL...

(Postagem em homenagem ao meu pai Nelson Pires e meu irmão Nelsinho)


Conca comemora o segundo gol do Fluminense no Maracanã em cima do Boca

Fluminense vence o Boca Juniors e está na final da Taça Libertadores

Em uma virada emocionante, Tricolor supera a pressão e conquista a vaga

(Thiago Lavinas GLOBOESPORTE.COM, no Rio de Janeiro)
O sonho está mais próximo do que nunca! Pela primeira vez na história, o Fluminense está na final da Taça Libertadores. O clube carioca venceu o Boca Juniors por 3 a 1, nesta quarta-feira, no Maracanã, em um jogo emocionante. Palermo abriu o placar. Washington, Conca e Dodô garantiram a virada. A decisão será contra a LDU, do Equador, que na terça-feira eliminou o América, do México. O primeiro jogo será na altitude de Quito no dia 25. E a decisão será no dia 2 de julho, no Maracanã.

Com o resultado, o Fluminense também acabou com uma escrita do Boca Juniors na Taça Libertadores. Desde 1963, quando o Santos de Pelé venceu os argentinos, o time não era eliminado por um clube brasileiro. Eram 12 vitórias seguidas em confrontos eliminatórios na competição. Cruzeiro (duas vezes), Atlético-MG, Corinthians, Flamengo, Palmeiras (duas vezes), Vasco, Paysandu, Santos, São Caetano e Grêmio sucumbiram diante do Boca.

Dono da melhor campanha da Libertadores, o Fluminense segue com um retrospecto impecável no Maracanã. O time tem 100% de aproveitamento e venceu os seis jogos no estádio com 15 gols a favor e só dois contra. Após eliminar o São Paulo e o Boca Juniors, o Tricolor segue para a decisão com o favoritismo que não teve nas fases anteriores.

Foi uma noite inesquecível para a torcida tricolor, que lotou o Maracanã. Foram quase 85 mil pessoas no estádio. E eles sofreram. Como sofreram. O Boca Juniors dominou a maior parte da partida. E Fernando Henrique fez grandes defesas. O Fluminense só melhorou após sofrer o primeiro gol. E Renato Gaúcho resolver tirar Ygor e colocar Dodô. O atacante, ao lado do goleiro Fernando Henrique, foram os heróis tricolores. O camisa 11 sofreu a falta do primeiro gol, deu o passe para o segundo e marcou o terceiro.

quarta-feira, junho 4

PIADEX

Três mulheres, uma noiva, uma casada e uma amante, estavam conversando sobre seus relacionamentos e decidiram agradar seus homens. Aquela noite todas as três iriam testar a sensualidade e o poder que exerciam sobre seus companheiros, usando corpete de couro, máscara nos olhos e botas de cano alto.

Após alguns dias, elas tornaram a se encontrar. Cada uma relatou a sua experiência.

Disse a noiva:- Naquela noite, quando meu namorado chegou em casa encontrou-me usando o corpete de couro, botas com 12cm de salto e máscara sobre os olhos. Ele me olhou intensamente e disse:-Você é a mulher da minha vida, eu te amo'.Então fizemos amor a noite inteira.

A amante contou a sua versão:- Ah, comigo também foi parecido. Naquela noite encontrei meu amante no escritório. Estava usando um corpete de couro, mega saltos, máscara sobre os olhos e... mais nada! Usava uma capa de chuva para cobrir meu corpo. Quando eu abri a capa, ele não disse nada...Seus olhos me devoraram... me agarrou e tivemos sexo a noite toda.

E aí a casada contou sua história:- Naquela noite eu mandei as crianças para a casa da minha mãe. Arrumei-me como combinado: corpete de couro, super saltos,máscara sobre os olhos. Então resolvi incrementar o visual. Aproveitei para inaugurar um perfume novo e um batom vermelho que nunca tinha usado antes. Lembrei-me de um comentário que meu marido fez sobre a sensualidade da roupa íntima preta e coloquei a que acabara de comprar... um fio dental com um lacinho de cetim em ponto estratégico. Quando meu marido chegou do trabalho, abriu a porta e me encontrou em pé no meio do quarto fazendo caras e bocas.
Olhou-me de cima abaixo e disse:...

'E aí, Batman, o que temos para o jantar?'

A VERDADEIRA EPOPÉIA JAPONESA













(Fonte: http://paranaamigo.com.br/)

Cláudio Hagi é descendente de japoneses, hoje um bem sucedido empresário paranaense. Cláudio conseguiu ter a objetividade que o mundo empresarial exige, mas não perdeu a velha sabedoria oriental. Foi ele que escreveu o texto que se segue:

As primeiras colonias no Paraná

Em 1916, o prefeito de Antonina, Heitor Soares Gomes (então com apenas 19 anos) solicitou ao consulado japonês em São Paulo que enviassem imigrantes à sua cidade. A intenção do prefeito era promover o cultivo do arroz na região. Foram então arregimentados alguns japoneses que estavam sem trabalho, vivendo na periferia de São Paulo em estado de desespero. Formou-se então um pequeno grupo, que levado a Antonina foi festivamente recebido pelo prefeito e população local, com direito a discursos e apresentação de desfile de banda. Takeshi Hassegawa, designado para comandar essa primeira leva de imigrantes por ser o único a falar português, foi apresentado à multidão como “consul do Japão”, com todas as honrarias. Este grupo instalou-se Quatingá, entre Antonina e Guaraqueçaba. Inicialmente, começaram a trabalhar com o cultivo da banana, em vez de arroz. Assim iniciou-se a imigração no litoral Paranaense. A história do jovem prefeito é digna de virar roteiro de um bom filme. Como se pôde observar, apesar de tudo, os japoneses eram bem-vindos, pelo menos no litoral.

______
Nota.: Será que é difícil fazer algo de bom para a cidade que entre para história como Heitor Soares Gomes, um jovem prefeito visionário???

AO ALCAIDE GUARAPIROCABANO COM CARINHO

PENSAMENTO DO DIA

"Nunca segure os seus peidos. Eles sobem pela sua espinha, entram no seu cérebro e aí surgem as idéias de merda".

terça-feira, junho 3

PIADEX

Numa pequena cidade, havia um padre muito famoso. Certo dia, ele precisou ir embora e o povo da cidade resolveu fazer uma festa para ele. O prefeito falou que iria fazer um discurso na despedida. Quando deu o horário da festa, estavam todos lá, menos o prefeito. Passada meia hora, o povo estava impaciente e o prefeito não havia chegado. Então, o padre resolveu fazer o discurso.

— Quando cheguei a essa cidade, a primeira pessoa que se confessou comigo falou que havia enganado todo mundo poraqui, transado com a secretária, pego dinheiro que não era seu, feito um monte de bobagens. Logo pensei que aqui só havia homens como esse. Mas, quando conheci o povo trabalhador e honesto, mudei minha opinião.

Acabando de falar, o prefeito chegou, pediu perdão por ter se atrasado e disse:

— Quando esse padre chegou, tive a honra de ser o primeiro a me confessar com ele!

ILHA DE CARAS


*Este cara não me é estranho...

PIADEX

Depois de 15 anos de casados, a mulher resolveu tentar resgatar o interesse do marido e vestiu a mesma camisola que usou na noite de núpcias.

- Amo...or! Sussurrou ela:
- Lembra dessa camisola?

O marido tirou o olho do jornal e disse:
- Sim. É a camisola que você usou na nossa lua de mel! Por quê?

- E você lembra do que você me disse naquela noite, quando me viu com essa camisola?
- Sim, me lembro! Respondeu o marido

- Eu disse: "Você está maravilhosa nessa camisola, Clarice! Quero transar com você até te deixar ACABADA!!!"

- E agora, depois de tantos anos, o que você tem a dizer?

O marido olhou a esposa de cima a baixo e disse:
- Missão cumprida.

AIIII...

Amanhã é a missa de sétimo dia do marido.

KIT-POBRE

VOCÊ ESTÁ SEM DINHEIRO... E JUSTAMENTE NESTA SEMANA TE CONVIDARAM PARA UMA FESTA A FANTASIA... VOCÊ PENSA!!! NÃO VOU...

Seus problemas acabaram, o "Bacucu com Farinha" vai lhe ensinar como fazer uma fantasia com apenas R$ 5,00 - é isto mesmo, R$ 5.00 - Você vai dizer “Só isso?”. Sim, é quanto custa um guarda-chuva no camelô.

Mostraremos agora como você pode montar o seu Kit-Pobre


Batgirl


Primeiro retire o cabo do guarda-chuva.

Divida-o em duas partes.

Costure-o a uma camisa de manga comprida com capuz.

Na axila, faça da seguinte maneira:


Faça as orelhas com o que sobrou das hastes.

Costure-as ao capuz da sua camisa velha.

Se você não sabe o que fazer com o cabo que sobrou, não me pergunte. Minha cota de criatividade acabou por hoje.

EMERGÊNCIA ESTÁ CADA VEZ PIOR...


VOCÊS ESTÃO ACHANDO QUE SOU LOUCO... O MEU CÉREBRO QUE É LOUCO

De aorcdo com uma peqsiusa de uma uinrvesriddae ignlsea, não ipomtra em qaul odrem as Lteras de uma plravaa etãso, a úncia csioa iprotmatne é que a piremria e útmlia Lteras etejasm no lgaur crteo. O rseto pdoe ser uma bçguana ttaol, que vcoê anida pdoe ler sem pobrlmea. Itso é poqrue nós não lmeos cdaa Ltera isladoa, mas a plravaa cmoo um tdoo. Sohw de bloa.
Obs.: Para as loiras: Fixe seus olhos no texto abaixo e deixe que a sua mente leia corretamente o que está escrito.

Tente isto agora:

35T3 P3QU3N0 T3XTO 53RV3 4P3N45 P4R4 M05TR4R COMO NO554 C4B3Ç4 CONS3GU3 F4Z3R CO1545 1MPR3551ON4ANT35! R3P4R3 N155O! NO COM3ÇO 35T4V4 M310 COMPL1C4DO, M45 N3ST4 L1NH4 SU4 M3NT3 V41 D3C1FR4NDO O CÓD1GO QU453 4UTOM4T1C4M3NT3, S3M PR3C1S4R P3N54R MU1TO, C3RTO? POD3 F1C4R B3M ORGULHO5O D155O! SU4 C4P4C1D4D3 M3R3C3! P4R4BÉN5, G05T0U D4 P4LH4 4554D4...

Origem dos mandamentos

Deus perguntou aos Gregos:
- Vocês querem um mandamento?
- Qual seria o mandamento, Senhor?
- Não matarás!
- Não obrigado. Isso interromperia as nossas conquistas.

Então, Deus perguntou aos Egípcios:
- Vocês querem um mandamento?
- Qual seria o mandamento, Senhor?
- Não cometerás adultério!
- Não obrigado. Isso arruinaria os nossos fins-de-semana.

Chateado, mas não derrotado, Deus perguntou aos Assírios:
- Vocês querem um mandamento?
- Qual seria o mandamento, Senhor?
- Não roubarás!
- Não obrigado. Isso arruinaria a nossa economia.

Deus, enfim , perguntou aos Judeus:
- Vocês querem um mandamento?
- Quanto custa?
- É de graça.
- Então manda DEZ!

Obs.: Se as loiras não entenderam, me mande um comentário solicitando o nosso dicinário de português para loiras... e de loiras para português...